GestãoNewsletter

IBCC Oncologia investe em atualização de parque tecnológico

0

O IBCC Oncologia, por meio de parceria com a Digisystem, amplia investimento para expandir serviços e implementar melhorias com foco em performance, disponibilidade e segurança computacional.

“Trata-se de um trabalho que irá incrementar mais segurança ao ambiente e com isso garantir que as próximas demandas da área de Tecnologia de Informação (TI) sejam suportadas sem impactos e resolvidas de maneira adequada e rapidamente”, declara Kleber Machado, coordenador de Tecnologia da Informação do IBCC Oncologia.

Para Kleber, a escolha da empresa se deu, primeiro, pelo fato de a Digisystem já ser uma parceira estratégica do IBCC Oncologia e, segundo, pois a companhia é homologada da PHILIPS, o que a credencia para assumir o ambiente em 3º nível que é aquele relacionado à rede e à segurança. “O processo de implementação do projeto Sustentação de Ambientes foi uma experiência bem tranquila para toda a equipe. A Digisystem possui especialistas em diversas frentes na área de TI e isso nos passou bastante segurança”, declara.

Os principais benefícios obtidos com o projeto é além de ter uma empresa homologada e com acesso ao ambiente interno é ter a garantia de sigilo e segurança nas informações do Hospital. “Em época de pandemia, em que temos que nos adequar rapidamente aos processos, é importante ter um parceiro em tecnologia como a Digisystem, já que além de concentrar a sustentação do ambiente em um único fornecedor reduz os ruídos e facilita a tomada de decisão”, finaliza.

Parte do trabalho de sustentação relacionada à infraestrutura está na análise preditiva, em que profissionais da Digisystem, verificam as tendências no consumo operacional do sistema e assim, atualizam a instituição para que se possa antecipar possíveis necessidades. “Ao verificarem as tendências de crescimento de uso, nossos analistas podem colocar em prática e antecipar a alocação de recursos computacionais antes que haja degradação de performance”, ressalta Wagner Hiendlmayer, Diretor de Infraestrutura e Cyber Risk, da Digisystem.

Até agora, foi realizado o chamado ‘assessment’ que em linhas gerais, quer dizer que o mapeamento completo da estrutura de TI do Hospital, considerando processos, ambientes, sistemas, incidentes, problemas e pessoas foi realizado. Por consequência, a respectiva documentação e monitoramento da rede também foram efetivados.

Atualmente, está em andamento o projeto denominado ‘Sustentação de Ambientes’ que envolve pelo menos 24 analistas da Digisystem e tem como objetivo sugerir planos de melhorias para otimização de processos e redução de custos.

Para Wagner, com o projeto Sustentação de Ambientes, o IBCC Oncologia passa a contar com tecnologias inovadoras e eficientes, além de um time especializado no uso dessas ferramentas e nos indicadores de monitoração.

Os times da Digisystem que participam de projetos como esses são compostos por profissionais de diferentes áreas de TI, como: analistas de infraestrutura, de middleware, de segurança da informação e de banco de dados..

Iniciado em abril deste ano, os trabalhos não possuem data exata de conclusão, já que os contratos de sustentação são de longa duração e os serviços devem ser realizados de maneira contínua dentro do Hospital.

Semantix desenvolve ferramenta de apoio ao diagnóstico da COVID-19 para auxiliar clínicas e hospitais

Artigo anterior

Recém-nascidos podem ter identificação biométrica na sala de parto

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais Gestão