quinta-feira, maio 30, 2024
Home Gestão Hospital de SC cria programa de apoio a healthtechs

Hospital de SC cria programa de apoio a healthtechs

por Redação
0 comentário

Startups com soluções inovadoras no setor de saúde podem impulsionar seus negócios por meio do Maicé Lab, programa de pré-aceleração de negócios criado em parceria pela TXM Methods e o Hospital Maicé, de Caçador, no Oeste de Santa Catarina. Em sua primeira edição, o projeto busca preparar startups para a fase de aceleração. Ao todo, serão cinco meses de atividades, com oficinas, mentorias e palestras em formato híbrido, com encontros online e presenciais. Os interessados em participar têm até o próximo dia 3 de junho para fazer a inscrição pelo site cocreationlab.com.br/editais.

O programa busca health techs que tragam soluções para o setor da saúde, desde a gestão de agendamentos médicos até a automatização de exames, passando por ferramentas que monitorem e melhorem a experiência dos pacientes. Serão aceitas propostas de produtos (bens ou serviços) ou processos inovadores que sejam negócios potencialmente viáveis na área da saúde – e com possível aplicação pelo Hospital Maicé. Podem participar healthtechs de todo o país.

Com experiência em pré-aceleração e aceleração de startups em cinco estados – Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Alagoas, Espírito Santo – e no Distrito Federal, a TXM Methods oferece plataforma exclusiva e metodologia certificada para desenvolver e apoiar negócios, com atendimento individualizado e expertise de mentores de diferentes áreas.

Durante o período de pré-aceleração, as startups selecionadas poderão utilizar um espaço híbrido colaborativo e receberão mentorias com especialistas, treinamentos, tutoriais, assessorias e serviços para desenvolver e dinamizar os negócios, além de possibilidades de networking com o mercado e de receber investimento ao final do programa.

Em Santa Catarina, um exemplo de healthtech que passou pela TXM Methods é a RT Medical Systems. A startup criada em Florianópolis participou da pré-incubação no programa Cocreation Lab, em 2017. Atuando como fabricante de equipamentos e dispositivos médicos, a empresa tem como carro-chefe um software de gestão oncológica para aplicação de radioterapia, e hoje está presente em mais de 20 hospitais especializados no tratamento de câncer no Brasil.

“O apoio que recebemos no início, nessa fase de pré-incubação, foi muito importante para entender melhor o nosso mercado, as barreiras que enfrentaríamos, além de auxiliar em todo o processo de validação com os próprios clientes”, comenta Carlos Queiroz, CEO da  healthtech.

Conforme recente estudo divulgado pela Liga Ventures, realizado em parceria com a Unimed Fesp, há 536 healthtechs mapeadas e ativas no país. No período entre janeiro de 2023 e abril de 2024, o setor recebeu cerca de R$ 1 bilhão em 83 rodadas de investimento.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias