quarta-feira, fevereiro 21, 2024
Home Artigos A inteligência Artificial e a aplicabilidade no mercado fitness

A inteligência Artificial e a aplicabilidade no mercado fitness

por Anderson Cichon
0 comentário

A grande demanda por ferramentas com base em inteligência artificial, mesmo que recente, nos mostra o impacto que estas possuem enquanto facilitadoras operacionais para diversos segmentos. Mesmo que em estado embrionário, muitos programas já estão em circulação e em constante evolução. À medida que essas soluções são empregadas e testadas, percebemos seu alto nível de aplicabilidade, seja para gerar textos, imagens, ou até mesmo auxiliar com pesquisas em um tempo recorde.

O fato é que a IA veio para facilitar o universo de todos os negócios e com o segmento fitness não é diferente. Os gestores desses empreendimentos já encontram uma série de demandas que podem ser facilitadas por meio da utilização de inteligência artificial, como a aplicação da tecnologia no apoio à análise de desempenho dos alunos e no desenvolvimento de ações de marketing digital, que por vezes é um desafio neste segmento.

Com os avanços tecnológicos, como o 5G e a popularização da Internet das Coisas (IoT), futuramente, será comum observarmos a Inteligência Artificial aplicada em diversos contextos cotidianos, como os smart watches. Esses acessórios coletam inúmeros dados de desempenho do praticante de atividades físicas, como por exemplo a frequência cardíaca e as distâncias percorridas. Se aplicado um sistema de IA nestas ferramentas, por exemplo, a inteligência conseguirá, por meio da análise dos dados, apoiar o trabalho dos profissionais com relatórios pertinentes para a personalização de treinos.

Não apenas o monitoramento de atividades físicas é uma possibilidade que pode ser alcançada por meio dos wearable devices, mas também o acompanhamento nutricional, uma vez que os acessórios estão presentes de maneira integral no cotidiano, coletando dados relacionados aos costumes e às preferências do usuário.

Diante do cenário de avanço tecnológico, é equivocado pensar que o trabalho de profissionais da nutrição e treinadores serão substituídos, uma vez que a interação entre sistema e especialistas pode proporcionar a sinergia perfeita para se alcançar os melhores resultados para o paciente ou aluno, otimizando ainda mais os processos destes segmentos.

Outro aspecto que pode ser otimizado e que há tempos é visto como uma tendência no nosso mercado é a gamificação, especialmente no ponto de vista de gestão. A coleta e o acesso de dados proporcionados pela inteligência artificial podem gerar sugestões assertivas para o desenvolvimento de campanhas que, ao serem incluídas no negócio, passam a gerar uma maior interação do aluno com a academia, os professores e demais colegas de treino.

Ainda assim, é fato que o melhor caminho a ser trilhado para a evolução da IA neste mercado ou em qualquer outro é por meio do estudo e da análise dos profissionais qualificados que estão inseridos no universo fitness e conectados com os desafios diários do segmento. Ainda é preciso levar em consideração que, como citado anteriormente, a tecnologia, seja ela a base de IA ou não, não vem para substituir a função de um profissional, uma vez que cada aluno e negócio tem suas necessidades específicas, mas sim para ser uma aliada importante rumo aos objetivos traçados.

Todos esses pontos citados surtirão efeitos positivos para o mercado, então, os gestores que estiverem antenados e buscarem adotar a IA como uma aliada para o desenvolvimento de soluções, sem sombra de dúvidas sairão na frente. E é justamente por isso que é importante se atentar às possibilidades que a IA oferece e investir em seu desenvolvimento para aproveitar ao máximo as facilidades que podem ser proporcionadas.

O mercado fitness é extremamente competitivo, em constante evolução e que tem mostrado muito potencial, em especial, após os anos difíceis de pandemia. De acordo com a International Health, Racquet & Sportsclub Association (IHRSA), o setor passou a mostrar sinais de recuperação em 2022, quando o segmento cresceu 18,02% a mais quando comparado a 2019, e 28,18% superior a 2021. O cenário nacional também é promissor, visto que este mesmo levantamento também apontou que no Brasil o mercado mobiliza cerca de R$ 8 bilhões por ano, com cerca de 32 mil estabelecimentos.

Como podemos ver, há um terreno muito fértil para que soluções de IA sejam desenvolvidas e devidamente testadas, como forma de não só otimizar a vida daqueles inseridos no mundo fitness, mas também aproximar os consumidores finais e transformar a experiência deles como um todo.

Anderson Cichon, cofundador e CTO da Tecnofit.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside