NewsNewsletter

98% dos pacientes de Telemedicina são atendidos pelo ClubSaúde em menos de 24 horas, para todas as especialidades

0
Foto Ethel Braga

Especialista em bem estar e cuidados, o ClubSaúde vem recebendo destaque no seu atendimento de Telemedicina, com mais de 30 mil consultas realizadas, nos últimos 12 meses. O valor de consulta abaixo do mercado, em comparação às outras operadoras de saúde, proporciona aos clientes uma alternativa rápida, eficiente e de baixo custo. Cada ida ao pronto socorro evitada e cada atendimento na fase inicial da enfermidade reduz o sinistro dos planos de saúde.

A Telemedicina ClubSaúde conta com uma ferramenta própria, desenvolvida com a mesma tecnologia de vídeo utilizada pelo Microsoft Teams, adaptada às necessidades de cada cliente. Além da interface amigável para todas as idades, um dos seus grandes diferenciais é a possibilidade de anexar ou tirar fotos de resultados de exames antes e durante a consulta. Garantindo 100% de confiabilidade e sigilo através da criptografia de ponta a ponta dos dados.

No início da jornada dentro da Plataforma Telemedicina ClubSaúde todo paciente responde um questionário de saúde, no qual o nosso sistema identifica casos graves ou suspeitos de COVID-19, com base na SLA de atendimento (sistema de classificação de atendimento por ordem de prioridade). “Desse modo, atuamos ativamente cuidando de casos mais graves primeiro”, explica Rejane Pasqual, gerente de Operações da Telemedicina ClubSaúde.

Após a consulta de Telemedicina, o ClubSaúde também oferece acompanhamento de evolução de enfermagem para pacientes sinalizados pelos médicos. Como o próprio nome sugere é um monitoramento via ligação telefônica ou mensagens de WhatsApp pela equipe de enfermagem, para acompanhar a evolução clínica do paciente durante a semana ou até a consulta de retorno. “Nossa Telemedicina é mais do que uma ferramenta, é uma solução de saúde”, finaliza Luís Alexandre Chicani, CEO do ClubSaúde.

Primeiro aplicativo exclusivo para mulheres com DIU chega ao Brasil

Artigo anterior

Saúde 4.0: Tecnologia coloca fim na dificuldade da punção venosa e melhora a experiência dos pacientes

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News