quarta-feira, abril 24, 2024
Home News btt Corp recebe aporte de US$ 34,3 milhões de banqueiro americano

btt Corp recebe aporte de US$ 34,3 milhões de banqueiro americano

por Redação
0 comentário

A btt Corp., empresa focada no desenvolvimento de tecnologias disruptivas para monitoração, diagnóstico e tratamentos baseados na termodinâmica cerebral e frequências termorregulatórias, recebeu aporte de US$ 34,3 milhões (equivalente a R$ 185 milhões).

A rodada de investimento foi liderada pelo banqueiro norte-americano G. Jeffrey Records Jr., proprietário do MidFirst Bank, o maior banco privado dos Estados Unidos, com o aporte de US$ 29,3 milhões, por meio daOklahoma Rock Holdings, e US$ 5 milhões do investidor brasileiro Juliano Victorino, o proprietário do Trust Group, conglomerado brasileiro de comércio exterior com 17 anos de atuação, que movimentou mais de US$ 2,5 bilhões em importações nos últimos cinco anos.

Com os novos investimentos, a btt Corp., que detém a tecnologia desenvolvida pelo médico brasileiro Marc Abreu, atingiu um valor de mercado superior a US$ 1,7 bilhão (R$ 9,2 bilhões). Ela é a única empresa no mundo com o direito de desenvolver, comercializar e licenciar as diferentes tecnologias baseadas no túnel térmico cerebral (BTT), descoberta biológica realizada por Abreu na Universidade de Yale, nos EUA.

“Temos uma capacidade única de desenvolver tecnologias exclusivas baseadas na termodinâmica cerebral, temperatura do cérebro e frequências termorregulatórias. Como exemplo, nossa tecnologia de tratamento focada na indução de proteínas de choque térmico que tem o potencial inédito de restaurar a função cerebral por meio do processo de redobramento de proteínas mal dobradas e degradação de agregados tóxicos”, diz o presidente e CEO da btt Corp., Robert Mogel.

“Apenas a doença de Alzheimer afeta cerca de 50 milhões de pessoas em todo o mundo. Acreditamos que esses pacientes, bem como outras milhões de pessoas afetadas por diferentes doenças neurológicas e neurodegenerativas, podem se beneficiar de nossas tecnologias baseadas na termodinâmica do cérebro. Os investimentos da Oklahoma Rock e Trust Group nos permitirão expandir significativamente nossas operações e continuamente avançar nossa pesquisa e desenvolvimento de tecnologias especializadas de diagnósticos e tratamento”, completa Mogel.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, estima-se que uma em cada três pessoas desenvolverá um distúrbio neurológico em algum momento da vida, tornando essas doenças a principal causa de incapacidade e a segunda principal causa de morte.

“Estamos orgulhosos em expandir o nosso portfólio de empresas no segmento de tecnologia médica com o investimento na btt Corp. Também estamos muito entusiasmados com a pesquisa sobre a aplicação dessa tecnologia, focada no cérebro, que visa atender condições de saúde atualmente sem tratamentos efetivos no mundo”, disse Zach Osko, diretor administrativo da Oklahoma Rock.

A btt Corp. é focada no desenvolvimento de alta tecnologia para a aplicação da descoberta do túnel térmico cerebral e termodinâmica cerebral em inúmeras condições de saúde. Isso inclui a prevenção e o tratamento de uma ampla gama de distúrbios neurológicos que vão desde esclerose múltipla até doença de Alzheimer, doença de Parkinson, esclerose lateral amiotrófica (ELA), ataxia, atrofia de múltiplos sistemas e doença de Huntington, entre outros.

“Decidimos nos unir com a btt Corp. nessa missão de trazer as mais avançadas tecnologias de diagnóstico e terapia disponibilizando tratamentos capazes de gerar a restauração da função cerebral e qualidade de vida para pacientes antes desesperançosos por tratamentos não efetivos”, diz Juliano Victorino, CEO do Trust Group.

“Esse investimento agrega valor ao sistema de saúde por meio de inovação e eficiência com centenas de resultados comprovados por uma metodologia rigorosa de exames laboratoriais, testes clínicos e testes de função neurológica, motora e cognitiva. Além disso, por se tratar de uma metodologia não invasiva e que pode ser aplicada na população em geral, vemos um potencial único, para aplicação da tecnologia de forma preventiva no combate de uma provável epidemia de doença de Alzheimer que enfrentaremos devido à Covid-19, como amplamente divulgado pelas principais instituições de saúde do mundo”, completa Victorino.

“Albert Einstein uma vez disse: ‘A medicina do futuro será a medicina das frequências’, e na btt Corp.incorporamos essa visão como base, nos esforçando incansavelmente na missão de reduzir o sofrimento humano e preservar vidas”, disse Abreu, responsável pelo desenvolvimento tecnológico da companhia. “Acreditamos que a nossa tecnologia, baseada na termodinâmica do cérebro e frequências termorregulatórias, tem um potencial único de prevenir e tratar inúmeras doenças a nível molecular. Parcerias com organizações e pessoas tão respeitadas como Jeffrey Records e Juliano Victorino nos motivam cada vez mais para levar esse objetivo adiante. Esse aporte de capital nos permitirá acelerar nossa pesquisa e desenvolvimento de ensaios clínicos bem como expandir nossa equipe de talentosos médicos e engenheiros visando expandir e consolidar a tecnologia e desenvolver novas aplicações baseadas em nossa descoberta do túnel térmico cerebral.”, completou.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside