NewsNewsletter

Grupo Conexa lança plataforma para democratizar tratamento para pessoas com obesidade

0
Portrait of beautiful overweight Asian woman relaxing at the park in the city of Bangkok, Thailand

De acordo com a última Pesquisa Nacional de Saúde, realizada pelo IBGE e divulgada em outubro de 2020, 60,3% da população adulta do Brasil está acima do peso, o que corresponde a 96 milhões de pessoas, sendo 62,6% das mulheres e 57,5% dos homens. Diante disso e no atual contexto da pandemia, é ainda mais necessário um esforço para se conscientizar sobre a importância de contar com um profissional de saúde em um tratamento adequado e mais eficaz da obesidade.

Para ampliar o acesso da população a médicos de diversas especialidades, o Grupo Conexa, maior player de saúde digital integral da América Latina, acaba de lançar um portal exclusivo de telemedicina via plataforma docpass para atender pacientes com sobrepeso e obesidade, com profissionais treinados por alguns dos maiores especialistas em obesidade do País. A campanha Saúde Não Se Pesa, que desde 2016 aborda as causas, consequências e tratamentos para obesidade, apoia a iniciativa e disponibiliza o link do portal de telemedicina em seu website – www.saudenaosepesa.com.br.

“A pandemia gerou um aumento significativo nas queixas dos pacientes em relação ao ganho de peso e problemas de saúde mental. Por isso, este projeto veio no momento mais propício para facilitar o acesso à saúde integral de qualidade, sem barreiras geográficas, com profissionais treinados e que vão auxiliá-los a perder peso com segurança e ter mais qualidade de vida”, explica Dra. Luana Cazzola, gerente médica do Grupo Conexa, responsável pela coordenação dos médicos do projeto.

Indivíduos com sobrepeso e obesidade enfrentam uma forma generalizada de estigma social com base na suposição não comprovada de que seu peso corporal deriva principalmente de uma falta de autodisciplina e responsabilidade pessoal. Tal retrato é inconsistente com as evidências científicas atuais que demonstram que a regulação do peso corporal não está inteiramente sob seu controle. Segundo dados da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO), até 70% das causas da obesidade podem estar relacionadas à genética, história familiar e etnia.

Dessa forma, a telemedicina pode contribuir para difundir o conhecimento de que a obesidade é uma doença crônica e de que, por isso, o tratamento e o acompanhamento médico devem continuar pelo resto da vida.

“Pequenas perdas de peso já geram grandes ganhos para a saúde dos pacientes”, finaliza Dra. Luana.

Saúde Não Se Pesa

Desde 2016, Saúde Não Se Pesa é um movimento para conscientização sobre obesidade. Seu objetivo é dar luz à condição como doença crônica, trazendo o assunto para debate, com informações e dados que evidenciem as doenças associadas à obesidade e os benefícios que o seu controle pode oferecer para uma melhor saúde e maior qualidade de vida. O portal www.saudenaosepesa.com.br reúne conteúdos educativos e informativos sobre obesidade, além de calculadora de IMC.

Dados na área da saúde: entenda o conceito de Health Data Analytics

Artigo anterior

LG amplia portfólio de soluções médicas com o lançamento da Placa Digital de Raio X DR

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News