NewsNewsletter

Grupo Fleury lança plataforma de educação médica

0

Após a decisão de se tornar um estudante de medicina, vem a dúvida sobre a melhor residência e especialização. Durante os anos de profissão, os questionamentos passam a ser sobre quais são os mais capacitados canais para se aprimorar e reciclar dentro área. Se manter atualizado é um dos maiores desafios dos médicos hoje. A Pupilla, plataforma de educação médica e tecnológica desenvolvida a partir da atuação do Grupo Fleury e que nasce para reinventar o acesso aos conteúdos de saúde no Brasil, chega com o intuito de transmitir conhecimento de forma digital, com alta qualidade e exclusividade na seleção dos principais temas médicos para estudantes, residentes e especialistas que desejam se atualizar e se aprofundar no que há de mais recente no mercado.

A nova startup, que já se apresenta com uma rede de parceiros reconhecidos em suas áreas e setores, como MIT Sloan e Philips, centralizará em um só lugar conteúdos selecionados e de credibilidade para a comunidade médica. Diferentemente de plataformas de ensino à distância (EAD), a Pupilla será gerenciada a partir de pilares de especialidades médicas. Por meio de tecnologia que inclui inteligência artificial que rastreia os mais novos e relevantes artigos e publicações dos principais periódicos nacionais e internacionais, a plataforma integrada contará também com os médicos especialistas, chamados de Key Opinion Leaders (KOLs), renomados em suas áreas e que serão responsáveis pela curadoria e por liderar os conteúdos de suas respectivas verticais.

A primeira fase contemplará três áreas foco: cardiologia, radiologia e clínica médica, que serão comandadas por nomes da comunidade médica que são referências em suas especialidades. A proposta da plataforma é ofertar uma variedade de formatos e tipos de conteúdo para se adequar à rotina e necessidade dos médicos, sejam textos, áudios e vídeos. As publicações trarão conteúdos originais em saúde e os principais acontecimentos do mundo médico e serão escritas e comentadas sob a perspectivas de profissionais de referência, no modelo de médico para médico, incluindo recomendações de artigos, estudos, livros e outros temas. Além disso, a longo prazo, os usuários poderão encontrar na plataforma cursos exclusivos de atualização médica e masterclass realizados pelos KOLs e convidados, podcasts que poderão ser ouvidos no tempo de cada um e lives para interação de todos.

O mercado de educação médica continuada e especialização é estimado em R$ 5,3 bilhões, segundo levantamento de 2018, e até então aquecido com plataformas de cursos ou de trabalhos colaborativos da comunidade médica. O diferencial da Pupilla é que a plataforma chega para dar suporte à jornada dos mais de 700 mil médicos, estudantes de graduação e residentes, que estão em busca de solucionar dúvidas e curiosidades, apresentando tudo o que há de novo e relevante no mercado de forma personalizada, inovadora, enxuta e de rápido acesso.

“Assim como, de forma simbólica e fazendo referência à parte do olho que regula a entrada de luz e nos permite enxergar com clareza, a Pupilla proporciona acesso aos conteúdos mais recentes em meio à constante evolução da medicina e, em paralelo, às rotinas cada vez mais corridas dos especialistas. Com agilidade e praticidade, buscamos proporcionar para a comunidade médica a entrada em contato com as tendências do mercado e as atualidades do mundo na área da saúde”, afirma Dra. Jeane Tsutsui, diretora executiva de Negócios do Grupo Fleury.

As próximas fases de crescimento da plataforma terão como objetivo trazer mais parceiros e ofertas desses conteúdos, ampliando as áreas foco iniciais já em 2021 com a mesma excelência médica que as empresas parceiras transmitem em todos os seus atendimentos e assistências aos pacientes.

“Temos apostado em inovação e aliado os nossos 94 anos de excelência médica de forma inédita no Brasil a novas áreas de negócios. A Pupilla é mais um vetor de expansão acelerada para o Grupo Fleury, desta vez atuando de forma pioneira em educação médica, já que a medicina está em constante evolução por conta de novos estudos e diretrizes que surgem a cada dia, e a comunidade médica tem condições de acompanhar essas atualizações com acesso a conteúdo de conhecimento em saúde se esse for customizado para atender as necessidades de cada um”, finaliza Hans Lenk, diretor de Inovação do Grupo Fleury.

83% das pessoas no Brasil querem ser vacinadas contra COVID-19, mostra pesquisa em parceria com Facebook

Artigo anterior

Fitbit lança função de rastreamento de glicose

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News