NewsNewsletter

IA da Intel otimiza medições fetais por meio de ultrassom inteligente da Samsung Medison

0

Em parceria, Intel e Samsung Medison desenvolvem soluções que garante melhora nas medições obstétricas, gerando maior segurança materna e fetal, ampliando as chances de salvar vidas e já estão disponíveis em hospitais no Brasil. Utilizando um processador Intel Core i3, kit de ferramentas OpenVINO e kit de ferramentas OpenCV da Intel, o BiometryAssist do Samsung Medison automatiza e simplifica as medições fetais, enquanto o LaborAssist estima automaticamente o ângulo de progressão fetal (AoP) durante o trabalho de parto para uma compreensão completa do progresso do parto de uma paciente, sem a necessidade de exames vaginais digitais invasivos.

“A solução BiometryAssist do Samsung Medison é um sistema de medição de biometria fetal semiautomático que localiza automaticamente a região de interesse e coloca um paquímetro para biometria fetal, com taxa de sucesso de 97% a 99% para cada parâmetro. Seu alto nível de eficácia permite o uso na prática clínica atual com alta precisão”, afirma Jayoung Kwon, professor, médico e PhD da Divisão de Medicina Materno-Fetal do Departamento de Obstetrícia e Ginecologia na Faculdade de Medicina da Universidade Yonsei, membro do Sistema de Saúde da Universidade Yonsei em Seul, na Coréia do Sul.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, cerca de 295.000 mulheres morreram em 2017 durante ou logo após os períodos de gestação ou parto. Cada gravidez e parto são únicos, mas a maioria das mortes maternas pode ser prevenida. Levantamento do Instituto Perinatal constatou que acompanhar o crescimento fetal é essencial para um bom atendimento pré-natal. Além disso, esses dados permitem que o médico identifique possíveis restrições de crescimento, prevenindo a ocorrência de natimortos.

“Na Intel, estamos dedicados à criação e ativação de tecnologia capaz de mudar o mundo e melhorar as vidas de todas as pessoas da Terra”, afirma Claire Celeste Carnes, diretora de marketing estratégico para Health and Life Sciences da Intel. “Trabalhamos com empresas como a Samsung Medison para implementar as mais recentes tecnologias a fim de aumentar a segurança do paciente e melhorar os fluxos de trabalho clínico, especialmente em um período tão importante e sensível como a gestação e o parto” completa Claire.

Como funciona: Com um único clique, o BiometryAssist é capaz de automatizar e padronizar os dados fetais em cerca de 85 milissegundos, oferecendo mais de 97% de precisão[2]. Assim, os médicos podem passar mais tempo conversando com suas pacientes enquanto padronizam as medidas fetais, que historicamente são difíceis de fornecer com precisão. Com o auxílio da tecnologia BiometryAssist, os médicos podem verificar rapidamente dados consistentes em um grande número de pacientes.

“A Samsung está investindo no aumento da eficiência de novos recursos de diagnóstico, bem como de serviços de saúde, e para isso, o kit de ferramentas OpenVINO™ e o kit de ferramentas OpenCV tem sido grande aliados para alcançarmos esses objetivos”, explica Won-Chul Bang, vice-presidente corporativa e chefe de Product Strategy da Samsung Medison.

Durante o trabalho de parto, o LaborAssist ajuda os médicos a estimarem o Aprendizado Orientado por Problemas (AOP) e a direção do crânio do feto. Dessa forma, tanto o médico quanto a paciente podem compreender a posição do feto e o progresso, a fim de determinar a melhor via de parto. O trabalho de parto sempre envolve um certo grau de riscos e o progresso lento pode resultar em problemas para o bebê. O acesso aos dados de progressão do trabalho de parto mais precisa e em tempo real pode ajudar os médicos a determinar a melhor via de parto, com potencial de reduzir o número de cesarianas desnecessárias.

“O LaborAssist fornece automaticamente as medidas do ângulo de progressão, além das informações a respeito da direção e posição da cabeça do feto. Trata-se de uma ferramenta muito útil para explicar à paciente e sua família como está progredindo o trabalho de parto com o uso de imagens de ultrassom para ilustrar a mudança da posição da cabeça ao longo do trabalho de parto. Acreditamos que seja muito útil na hora de avaliar a evolução do trabalho de parto e para tomar todas as decisões necessárias”, explica Min Jeong Oh, professor, médico e PH do Departamento de Obstetrícia e Ginecologia do Hospital Universitário Guro em Seoul, na Coreia do Norte.

As soluções BiometryAssist e LaborAssist já estão sendo utilizadas em 80 países, incluindo os EUA, Coreia do Sul, Itália, França, Brasil e Rússia. Ambas receberam aprovação de Classe II do FDA, agência reguladora ligada ao Departamento de Saúde dos EUA em 2020.

A Intel e a Samsung Medison continuarão a colaborar para o avanço da tecnologia usada em ultrassons, acelerando a IA e aproveitando a tecnologia avançada nas soluções de ultrassom de próxima geração da Samsung Medison.

Ministério da Saúde disponibiliza painel de compras no combate à Covid-19

Artigo anterior

Docpass quer democratizar acesso à telemedicina ao usuário final

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News