quinta-feira, maio 30, 2024
Home Inovação Vakinha registra alta de 185% em doações destinadas para o tratamento de neuroblastoma

Vakinha registra alta de 185% em doações destinadas para o tratamento de neuroblastoma

por Redação
0 comentário

Um levantamento feito pelo Vakinha, maior site de doações online da América Latina, aponta que as campanhas de arrecadação para o tratamento neuroblastoma cresceram 82,6% nos meses de janeiro e fevereiro deste ano, se comparado ao mesmo período de 2023. E as doações tiveram uma alta de 185% no mesmo período, totalizando mais de R$2,4 milhões destinados para o tratamento e apoio de diversas famílias por meio de vaquinhas online na plataforma.

Recentemente, a campanha para arrecadar recursos para o tratamento de Pedro, filho do indigenista Bruno Pereira, assassinado em 2022, chamou a atenção para um desafio que também faz parte de muitas outras famílias brasileiras: tratamento do neuroblastoma, considerado como terceiro tipo de câncer mais comum entre crianças e adolescentes e corresponde a cerca de 8% e 10% dos casos de tumores infanto juvenis diagnosticados anualmente no país.

O neuroblastoma é um tipo de câncer que atinge, principalmente, as crianças menores de 5 anos, incluindo recém-nascidos e bebês em fase de amamentação. As medicações para o tratamento, além do alto custo que pode  chegar em até R$2 milhões, são muito recentes, como o naxitamabe (Danyelza) e o betadinutuximabe, conhecido pelo nome Qarziba, e não ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Neste cenário, muitas famílias não têm condições financeiras para comprar os medicamentos e recorrem a vaquinhas online e outras formas de arrecadação para conseguir os recursos necessários para custear o tratamento.

Para Luiz Felipe Gheller, CEO e fundador do Vakinha, o aumento no número de doações feitas para ajudar no tratamento de câncer infantil por meio da plataforma impulsiona a solidariedade e evidencia problemas que vem preocupando muitas famílias como é o caso do câncer infantil “Ao mesmo tempo que queremos nos tornar um ecossistema do bem, nosso objetivo também é ajudar a disseminar informações que podem ajudar no tratamento e na prevenção de doenças,  À medida que as vaquinhas criadas na plataforma se popularizam, mais pessoas passam a enxergar novas possibilidades para alcançar os seus objetivos, ou ajudar quem está precisando”, afirma.

Além das campanhas de arrecadação criadas pelas famílias e por pessoas físicas, o Instituto Vakinha criou uma campanha de conscientização sobre o câncer infantil, com diversos conteúdos educativos sobre o tema disponibilizados nos canais proprietários da empresa, além de doações direcionadas para instituições parceiras que visam dar apoio para crianças e famílias que enfrentam a doença.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias