sexta-feira, abril 19, 2024
Home Gestão Drogaria Araujo aposta na retenção de talentos como peça-chave para o crescimento

Drogaria Araujo aposta na retenção de talentos como peça-chave para o crescimento

por Redação
0 comentário

Embora construir uma carreira longeva em uma companhia não esteja entre as prioridades das gerações Y e Z, que têm como características principais e comuns a inquietude e a busca constante por novos estímulos, há empresas, especialmente as mais tradicionais, capazes de manter em seu quadro os mesmos profissionais há décadas. É o caso da centenária Drogaria Araujo, que se orgulha por contar com funcionários com 20, 30, 40 e até 50 anos de empresa.

Para a gerente de gestão de pessoas e desenvolvimento, Karlla Fernanda Leitão, a retenção de talentos representa diversas vantagens para uma organização, entre as quais ela destaca o fato de contar com pessoas alinhadas aos valores e propósito da companhia, já adaptadas à cultura organizacional e motivadas a conquistarem sempre mais. “No nosso caso, estimulamos continuamente o aprendizado e o desenvolvimento daquelas pessoas que vislumbram a possibilidade de crescer junto com a Araujo”, ressalta.

Um exemplo é Vicente Correa, que integra o setor de compras, área estratégica na rede. Ele relembra sua trajetória na Araujo, que teve início há 50 anos, com entusiasmo. “É satisfatório fazer parte de uma empresa que eu gosto, em um setor que eu gosto, com colegas que me permitem aprender tanto todos os dias mesmo depois de tanto tempo.” Ele conta que o seu primeiro cargo na Araujo foi de aplicador de injeção, função que já não existe na rede há muitos anos. Em seguida, trabalhou como estoquista, passou pelo setor de veterinária e chegou a cobrir os gerentes de lojas nos plantões de fim de semana.

A gerência de operações da empresa também conta com dois veteranos: Lucivaldo José Alcântara e Pablo Mendes Ursine Krettli, com 27 e 22 anos de casa, respectivamente. Na função, cada um é responsável pelos resultados e entregas de cerca de 160 lojas no estado. Ambos começaram na empresa como vendedores de loja, passando por todos os cargos seguintes: vendedor responsável, subgerente, gerente de loja e gerente de canal, cuja responsabilidade é administrar entre 15 e 20 drogarias. Segundo Karlla, o caminho traçado pelos profissionais, que vivenciaram experiências em praticamente todos os níveis até conquistarem a atual posição, é o ideal para a Drograria Araujo, que valoriza e oportuniza profissionais dedicados, que entregam bons resultados. “Vagas são abertas todos os dias, mas sempre priorizamos o desenvolvimento de quem já está com a gente”, destaca.

Lucivaldo conta que, com o incentivo da empresa, teve a oportunidade de fazer uma graduação em administração de empresas. “Me formei na faculdade, em administração, graças ao incentivo oferecido pela Araujo, que desde o início acreditou no meu potencial. Passamos a maior parte da vida dentro da empresa e é essencial gostar do que se faz. Faço tudo com muito amor e nutro uma admiração profunda pelos idealizadores e a forma como a empresa foi construída”. Hoje, a Rede mantém parceria com oito universidades, que oferecem descontos aos colaboradores em cursos de graduação e pós-graduação que podem chegar a 40%. “Além disso, investimos em cursos internos de capacitação e desenvolvimento de lideranças”, completa Karlla.

Na área de marketing, outra profissional que compõe a equipe há mais de duas décadas se diz orgulhosa da trajetória trilhada na empresa. Ana Lídia Maria do Nascimento foi contratada pela Araujo como caixa, para cobrir uma licença maternidade. “Quando acabou o meu contrato surgiu a oportunidade de ser efetivada em outra loja, também como caixa. Não pensei duas vezes. De lá para cá, vivi várias experiências e, em 2003, assim que a área de marketing foi estruturada, fui convidada para compor o time”. No setor, Ana executou funções diversas e hoje é responsável pela parte administrativa, que inclui o pagamento de fornecedores, controle e compra de materiais, gestão de contratos, entre outras atividades. “É uma empresa que, apesar de estar sempre em crescimento, mantém a sua essência, com cuidado com a saúde, respeito e encantamento do cliente, buscando sempre ser pioneira e referência para todos.”

O título de colaborador mais antigo da empresa, no entanto, é sustentado pelo senhor Irineu Silveira. Aos 96 anos de idade, ele completou em 2022, 80 anos como funcionário da Araujo. Sua jornada na empresa começou em 16 de maio de 1942, quando foi admitido como atendente de laboratório. Desde então, exerceu várias funções e, mesmo não indo mais à empresa presencialmente, ainda compartilha sua vasta experiência como assessor da presidência.

Para agradecê-lo por tantos anos de dedicação, trabalho e parceria, a Araujo decidiu eternizá-lo como parte da história. No próximo mês será inaugurada uma loja que levará o seu nome: Irineu Silveira, localizada na Avenida Catalão, em Belo Horizonte. “Esta é uma homenagem especial e cheia de carinho a este ícone, reconhecido e respeitado por todos na empresa por ser parte essencial na trajetória de sucesso da Araujo”, enfatiza Karlla.

Atualmente, a rede, que conta com cerca de dez mil colaboradores distribuídos entre as mais de 320 lojas, área administrativa, televendas, centro de distribuição e laboratório de manipulação, possui vagas de emprego disponíveis em áreas distintas. Os interessados em trabalhar na Araujo devem cadastrar o currículo em
https://trabalheconosco.araujo.com.br/home.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside