NewsNewsletter

Complexo Hospitalar de Niterói passa a integrar a Dasa

0

O Complexo Hospitalar de Niterói (CHN) passa a fazer parte da Dasa, uma das maiores redes de saúde integrada do Brasil. A partir de agora, Dasa, Ímpar e GSC tornam-se uma só empresa. No total, o ecossistema conta com 13 hospitais de referência e mais de 59 marcas entre medicina diagnóstica, distribuídas em mais de 900 unidades no país, além da coordenação de cuidados e inovação assistencial que se posicionam no centro do negócio.

“A unificação à Dasa representa um novo momento para o hospital, que reforça seu posicionamento como referência em medicina de alta complexidade,  mas que, a partir de agora, se une a esse novo modelo de gestão que vai promover uma jornada integral de cuidado, por meio de um ecossistema de saúde mais sustentável, preventivo e preditivo, resultando em uma experiência positiva e resolutiva para médicos e pacientes, e promovendo mais acesso à saúde ,”, afirma o dr. Marcus Vinicius Ribeiro de Souza Martins, diretor-geral do CHN.

O novo modelo integrado de gestão assistencial está baseado em tecnologia e inteligência de dados que empoderam e beneficiam médicos e pacientes com a unificação de históricos de saúde e com uma jornada mais simplificada, eficiente e positiva. Na prática, a nova atuação prevê que uma pessoa que usufruir dos serviços da rede de saúde integrada da Dasa terá seus dados consolidados e disponíveis em uma plataforma única de navegação inteligente.

“Contar com esse gerenciamento de dados traz um ganho exponencial à rotina assistencial, já que, assim, é possível avaliar, de forma estratégica e com competência técnica, toda a jornada do paciente dentro da companhia e oferecer soluções para o melhor desfecho clínico”, explica o diretor-geral do CHN.

Para apresentar à sociedade o novo modelo de ecossistema foi criada uma campanha de comunicação integrada, com o slogan “Dasa é para toda a vida”. Nesse contexto, o CHN se insere, mais do que nunca, em uma nova cultura da medicina personalizada que integra prevenção e atenção primária, diagnóstico precoce e medicina de alta complexidade, proporcionando à população uma experiência diferenciada, qualificada e personalizada. Além disso, o CHN teve sua identidade visual renovada, com a inclusão de um símbolo integrado, em movimento de expansão; uma linha contínua que une e apresenta o hospital e a Dasa como um só ecossistema.

Em termos de serviços, o CHN permanece o mesmo: o maior conglomerado de saúde do estado do Rio de Janeiro, com 42 mil metros quadrados e 364 leitos, distribuídos em cinco unidades que são referência em atendimento de alta complexidade e ambulatorial, com foco em transplante, medicina cardiovascular, oncologia, neurologia e cuidado materno-infantil.

Atualmente, o hospital está entre os dez melhores do Brasil e em 48º da América Latina, eleito pela revista AméricaEconomía Intelligence. Além disso, o CHN é o quarto hospital que mais realiza transplantes de medula óssea (TMO) no país entre as unidades públicas, privadas e filantrópicas, de acordo com o último Registro Brasileiro de Transplante, relatório publicado pela Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, e a maior unidade de TMO do Rio de Janeiro, responsável por mais de 70% dos procedimentos.

Complexo Hospitalar de Niterói (CHN)

Inaugurado em 1991, o Complexo Hospitalar de Niterói (CHN), que faz parte da Dasa – maior rede de saúde integrada do Brasil –  é, atualmente, o maior conglomerado de saúde do estado do Rio de Janeiro e uma das principais referências do país em transplante de medula óssea, sendo o quarto hospital que mais realiza procedimentos desse tipo no Brasil, entre as unidades públicas, privadas e filantrópicas, e o primeiro no estado do Rio de Janeiro responsável por mais de 70% do volume de transplantes medulares.

O hospital está focado em alta complexidade, com especialidades centrais nas áreas de cardiologia, oncologia, neurologia, cuidado materno-infantil e de transplantes em várias modalidades. Possui uma estrutura completa, distribuída em cinco prédios, localizados no Centro de Niterói, com o total de 42 mil metros quadrados de área construída. Dispõe de 364 leitos, 11 salas cirúrgicas, 110 leitos de UTI, pronto-socorro com capacidade para 20 mil atendimentos por mês, o serviço ambulatorial SER CHN – Soluções Médicas Integradas, que realiza consultas em 40 especialidades, além de ter o único heliponto hospitalar na região Norte-Leste Fluminense.

O CHN foi o precursor em acreditações na região: ONA 3, QMentum Global (pela Accreditation Canada International) e o primeiro na América Latina a conquistar a certificação Distinção em Serviços de Emergência, concedida pelo IQG – Health Services Accreditation.

CPQD integra centro de IA aplicada à saúde e agricultura

Artigo anterior

Afya acelera expansão em serviços digitais médicos e anuncia aquisição da SHOSP

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News