News

Logicalis US anuncia solução de gestão de acesso para prescrição eletrônica

0

Os profissionais de saúde que trabalham em Nova York, Estados Unidos, estão obrigados desde 27 de março passado a fazer prescrição eletrônica para substâncias controladas e não controladas, segundo programa de monitoramento estabelecido por aquele Estado.

O objetivo é acabar com o excesso de prescrição de substâncias controladas, que exige que todas as receitas devam ser criadas e transmitidas eletronicamente para fins de rastreamento. Os médicos que não cumprem podem enfrentar até prisão. Enquanto isso, em outros estados não existem leis similares. Nova York  é o primeiro a realizar sanções pecuniárias e prisão p araque violar a norma, algo que os especialistas acreditam que em breve pode se expandir por todo o país.

De acordo com a Logicalis Healthcare Solutions, braço de Saúde da Logicalis dos EUA, os médicos podem usar soluções de serviços gerenciados com toda segurança, que prevê dois fatores de identificação (ID single-sign-on – SSO). Para explorar esse mercado de prescrição eletrônica anunciou que formou uma parceria com o provedor de  gerenciamento e soluções HealthCast.

“Este é um passo importante para permitir aos médicos prescrever substâncias controladas de suas casas ou escritórios com segurança, como se tivessem no ambiente hospitalar, usando o serviço da HealthCast “, explicou Joan Mehn, CEO da empresa.

O que faz o Single-Sign-On:

*Melhora o atendimento ao paciente com acesso seguro e simplificado para registros de saúde eletrônicos (EHRs).

*Melhorar a satisfação do médico, que faz sign-on fácil e rápido.

*Ajuda a manter organizações de saúde tanto tempo como em custos, economizando cerca de 30 a 45 minutos por médico por dia, com processos de log-in simplificados.

*Aumenta a produtividade do departamento de TI, reduzindo o número de chamadas ao suporte de serviços relacionados a senhas.

*Aumenta a velocidade com que organizações de saúde verdadeiramente alcancem “uso significativo” com EHRs.

Hitachi desenvolve robô que localiza e presta assistência a pessoas que precisam de ajuda

Artigo anterior

Gastos e investimentos de TI em saúde estão abaixo da média de mercado

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News