NewsNewsletter

Abimed discute adoção da 4ª Revolução Industrial

0

Aconteceu nesta quinta-feira, 13, a 1ª Reunião do Comitê Executivo do Centro Brasileiro para a 4ª Revolução Industrial – C4IR Brasil – parceiro da Rede do Fórum Econômico Mundial para Governança Global da Tecnologia, que tem como metas estimular a adoção de novas tecnologias e melhorar a inserção do país nas cadeias globais de valor, ampliando a competitividade e a produtividade das empresas brasileiras.

O C4IR Brasil é uma iniciativa conjunta do Ministério da Economia, do Governo do Estado de São Paulo e do Fórum Econômico Mundial. Trata-se de uma parceria público-privada, concebida pelo Ministério da Economia, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, pelo Governo do Estado de São Paulo e apoiada por empresas de atuação global.

“A ABIMED – Associação Brasileira da Indústria de Alta Tecnologia de Produtos para Saúde – vê no C4IR Brasil um fórum relevante e inovador para promover e influenciar políticas públicas, normativas regulatórias e transpor barreiras burocráticas e econômicas para favorecer a adoção e a rápida difusão do emprego de tecnologias 4.0 na área da saúde no Brasil, melhorando os desfechos clínicos e, consequentemente, os indicadores socioeconômicos do país. E por acreditarmos no valor da tecnologia para a ampliação do acesso da população à saúde, para ganho de eficiência do setor, para qualidade da assistência e para o aumento da efetividade e da segurança dos tratamentos, a Associação enxerga no C4IR Brasil um grande aliado” explica Fernando Silveira Filho, vice-chairman do C4IR.

A reunião conduzida por Fernando Silveira Filho, como vice-chairman do Comitê, contou com a participação do Governador do Estado de SP, João Doria Jr; da Secretária de Desenvolvimento Social e Econômico do Estado de SP, Patrícia Ellen; do Secretário Executivo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, Júlio Semeghini; do Subsecretário de Inovação do Ministério da Economia, Igor Nazareth, representando o Secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos da Costa e; também com a participação de Murat Sönmez, Managing Director do Fórum Econômico Mundial, além de representantes das diversas instituições que compõem o C4IR Brasil.

O C4IR Brasil tem como principal meta acelerar a adoção de tecnologias emergentes, com a Internet da Coisas e Inteligência Artificial, abordando os principais desafios econômicos, sociais e de desenvolvimento. Sua atuação será feita com marcos regulatórios e políticas públicas que acelerem a implementação, no território nacional e no mundo, de políticas de dados, Internet das Coisas, cidades inteligentes, robótica, inteligência artificial e blockchain. O novo centro, com sede em São Paulo, funcionará no campus do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e deve estimular a adoção de novas tecnologias; melhorar a inserção do Brasil nas cadeias globais de valor.

Como representante do segmento, a Associação preocupa-se em promover a interação, interlocução e participação em movimentos que também são relacionados com a área econômica, industrial e tecnológica. Com o C4IR Brasil, o país integra-se à rede dedicada à governança global de tecnologia, ao lado de nações como China, Japão, Índia, Colômbia, Israel e Emirados Árabes.  Como parte da rede global do Fórum Econômico Mundial, permitirá que aconteça uma troca de conhecimento, bem como a aceleração do processo de adoção de tecnologia tanto localmente como no contexto da rede de Centros no exterior.

BNDES financia distribuição de EPIs para hospitais públicos em Minas Gerais

Artigo anterior

MV faz parceria com Procenge em ERP para operadoras de saúde

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News