News

Nova mamografia 3D reduz em 93% a dor durante o exame

0

Para várias mulheres, realizar a mamografia anualmente é um momento desconfortável e doloroso e por isso muitas delas acabam deixando de lado o exame. Porém, a importância ao realizar o procedimento pode detectar precocemente inúmeras doenças, entre elas o câncer de mama.  Segundo dados do Inca (Instituto Nacional do Câncer) se a condição for detectada em seu estágio inicial, a chance de cura pode chegar a 90% – e a mamografia é a forma mais eficaz de detectar a doença.

“O incômodo pelo exame não pode ser uma barreira para sua realização. A mamografia identifica nódulos e outras alterações nas mamas que podem ser doenças malignas ou benignas e é o único método eficaz para diminuir a incidência de câncer de mama nas mulheres”, explica a Dra. Vivian Schivartche, médica radiologista especialista no diagnóstico de câncer de mama do CDB Premium.

Para contornar essa situação a Hologic está anunciando um novo equipamento de mamografia 3D que promete ajudar todas as mulheres durante esse procedimento. A novidade chega ao Brasil neste semestre e reduz em até 93% o desconforto durante o exame e ainda aumenta a eficácia na descoberta do câncer de mama e também no diagnóstico de tumores em mamas densas, onde o resultado muitas vezes é indeterminado.

A diferença do aparelho de mamografia com menos dor para os métodos tradicionais é o seu compressor curvo, o SmartCurve. Ele se adapta melhor ao formato da mama e faz com que a mulher sinta menos desconforto – diferente dos compressores tradicionais, que funcionam como uma bandeja reta, na qual a mulher precisa comprimir a mama para que a imagem seja gerada da melhor maneira possível.

Um estudo feito pela empresa comprovou que 40% das mulheres que realizaram testes com o aparelho da mamografia tradicional reclamaram de dor ao fazer o exame. Mas, ao serem examinadas com o compressor curvo, 93% não sentiram desconforto.

“Os motivos que as mulheres não realizam a mamografia são a dor e o medo de descobrir alguma doença. Porém, quanto mais cedo o diagnóstico, mas a chance de cura”, reforça Vivian.

Sharecare lança no Brasil canal ‘Ligue Saúde’ para diminuir buscas desnecessárias ao Pronto Socorro

Artigo anterior

96% dos usuários tiveram problemas com planos de saúde, diz pesquisa

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News