quarta-feira, maio 22, 2024
Home News Hospital Santa Isabel de Blumenau ultrapassa 4 mil transplantes de órgãos

Hospital Santa Isabel de Blumenau ultrapassa 4 mil transplantes de órgãos

por Redação
0 comentário

O Hospital Santa Isabel em Blumenau, Santa Catarina, ultrapassou a marca de 4 mil transplantes realizados. A conquista é graças à solidariedade das famílias que aceitaram a doação de órgãos de seus entes queridos. O mês de setembro é marcado pelo Dia Nacional da Doação de Órgãos, que será comemorado dia 27. O Hospital Santa Isabel, instituição coligada à Rede Santa Catarina, é referência nacional nestes procedimentos.

A doação de múltiplos órgãos acontece mediante autorização familiar de um paciente que teve a morte encefálica diagnosticada. No Brasil, a média de recusa pela doação é de 40%. Em Santa Catarina, a porcentagem cai para 32,5% e Blumenau se mantém abaixo dessa média, com 10% de recusa dos familiares. Essa é uma oportunidade de salvar vidas, já que um doador pode beneficiar várias pessoas, dando aos pacientes da fila de espera uma nova chance de sobrevivência.

O serviço de transplantes de órgãos no Hospital Santa Isabel começou a ser desenvolvido em 1980, quando equipes de nefrologia e urologia realizaram o primeiro transplante de rim. Em 2000, foram realizados os primeiros procedimentos de córnea e coração e, em 2002, de fígado. No ano de 2005, o Hospital Santa Isabel realizou o primeiro transplante de pâncreas e pâncreas-rim conjugado. Em 2016, foi reconhecido como hospital que realizou o maior número de transplantes de fígado no Brasil. Em 2017, a instituição foi eleita o melhor Hospital Transplantador de Santa Catarina. Em 2019, recebeu o mérito de hospital com o melhor resultado em transplantes de órgãos do estado.

Segundo dados de relatório da SC Transplantes, o Hospital Santa Isabel é a instituição que teve o maior índice de dação de múltiplos órgãos no estado em 2022 até junho. É também o hospital do Vale do Itajaí que mais notifica, além de ser a única instituição catarinense que realizou transplante de coração até junho de 2022 — três procedimentos.

A Comissão Hospitalar de Transplantes, CHT, do Hospital Santa Isabel, possui capacitação para oferecer a possibilidade de doação de órgãos para o familiar quando algum paciente vem à óbito por morte cerebral. Todos os profissionais da CHT fazem o “Curso de Más Notícias”, disponibilizado pela SC Transplantes. Os enfermeiros buscam conhecimento e desenvolvimento contínuo, com objetivo de aprimorar o trabalho e realizar o melhor acolhimento para estas famílias que perdem seu ente querido.

No Hospital Santa Isabel, o Ambulatório de Transplantes atende dezenas de pacientes diariamente, que vêm até a instituição para consultas pré e pós-transplante. Os pacientes contam com acompanhamento de uma equipe multiprofissional, formada por psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, além da equipe assistencial e de administração e apoio. O trabalho é baseado no acolhimento, avaliação, preparo e enfrentamento emocional desde quando o paciente entra na fila de transplante, até o dia em que recebe alta hospitalar, e continua durante o pós-transplante de acordo com a necessidade. A instituição está construindo um novo Ambulatório, com ampliação do espaço físico, acessibilidade e elevador próprio.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside