NewsNewsletter

Unimed Sul Capixaba adota solução da healthtech Laura

0

A fim de dar mais um passo em seu plano de expansão, a healthtech Laura, startup que utiliza a inteligência artificial para a gestão e coordenação do cuidado dos pacientes dentro e fora dos hospitais, anuncia chegada ao Hospital Unimed Sul Capixaba e passa a fornecer a tecnologia da Laura Inteligência Clínica para as equipes assistenciais da instituiçã

Com o recurso será possível automatizar a coleta e as análises de dados por meio da Inteligência Artificial, permitindo acesso rápido ao histórico dos pacientes, emissão de alertas, atualizações instantâneas, dentre outras possibilidades, de forma personalizada e pensada para a realidade da Unimed. Por meio de uma interface simples e que se conecta a dispositivos de iOS, Android e Web, a ferramenta torna o acesso aos protocolos clínicos de forma mais rápida e fácil.

Logo, a solução se torna o braço direito de profissionais e instituições de saúde para evitar alguns dos eventos adversos mais comuns na área, como diagnósticos tardios e/ou equivocados, procedimentos cirúrgicos desnecessários, comunicação falha com farmacêuticos hospitalares – acarretando na dosagem ou no medicamento errado -, falha de sigilo médico e preenchimento impreciso dos prontuários eletrônicos.

“Estamos muito contentes em poder firmar essa parceria com a Unimed Sul Capixaba e passar a disponibilizar a tecnologia da Laura para as suas equipes assistenciais. Acreditamos que essa é a melhor forma de trazer autonomia aos profissionais da saúde e, também, garantir um atendimento mais ágil e assertivo para os pacientes. Isso porque o alto volume de dados, se não analisados de forma rápida e eficiente, traz falhas graves na transição das informações, dificultando a priorização e as tomadas de decisão dos médicos e interferindo, diretamente, nos cuidados com a saúde de um indivíduo”, afirma Hugo Morales, diretor médico e cofundador da Laura

A Unimed Sul Capixaba tem um compromisso muito forte com a promoção à saúde, tanto para os pacientes do hospital, quanto para beneficiários do plano de saúde, contando com diversas oficinas e ações voltadas para o público. Um bom exemplo disso é a oficina gratuita voltada para cuidados com bebês recém-nascidos e crianças, a fim de ajudar mães e pais de primeira viagem a sanarem suas dúvidas acerca dos cuidados com seus filhos.

A Laura Assistant, feature do Inteligência Clínica, disponibiliza três funcionalidades macro em um só lugar: gerenciamento de protocolos, hub de comunicação e suporte de decisão clínica, fazendo com que o acesso aos dados seja mais conciso e integrado com todas as equipes. “Vale ressaltar que a solução não se restringe, apenas, aos médicos, mas sim a toda cadeia dos cuidados com os pacientes, como laboratórios, fonoaudiólogos, nutricionistas e fisioterapeutas. Desta forma, tanto os pacientes quanto os profissionais terão um cuidado mais personalizado e que acompanha, de fato, toda a jornada do indivíduo”, finaliza Morales.

Presente em mais de 40 instituições de saúde, a healthtech já realizou mais de 11 milhões de atendimentos e ajudou a reduzir o tempo de internação e de mortalidade hospitalar em 10% e 25%, respectivamente.

Müller reestrutura área de suporte ao cliente com forte aposta para 2022

Artigo anterior

Transformação digital, telemedicina e inovação serão debatidas na 5×5 Tec Summit

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News