News

Farmácias de Manipulação à disposição do governo para preparar medicamentos com cloroquina e hidroxicloroquina

0

A partir desta segunda-feira, 23, a Anfarmag – associação que representa as farmácias de manipulação – está abrindo diálogo com o Ministério da Saúde e os governos estaduais de todo o país para, dentro do esforço coletivo de combate ao novo coronavírus, colocar à disposição do poder público a expertise do setor para o preparo de medicamentos à base de cloroquina e hidroxicloroquina.

O objetivo é possibilitar que esses medicamentos cheguem com agilidade aos centros de saúde que optarem por essa linha de tratamento, fazendo uso da capilaridade do segmento. Existem no Brasil cerca de 8.000 farmácias de manipulação distribuídas por todos os estados do país. Com capacidade de produção, experiência e profissionais especializados, elas têm condições de preparar e entregar esses produtos, no mesmo dia, em diferentes doses e formas farmacêuticas

Para o farmacêutico e diretor executivo da Anfarmag, Marco Fiaschetti, a farmácia de manipulação é fundamental no amparo à sociedade em um momento como esse, especialmente para atender todos os perfis de pacientes, uma vez que sua especialidade é a terapêutica individualizada – ou seja, preparar medicamentos sob medida. “É importante entender que crianças, idosos ou pacientes entubados não conseguem engolir cápsulas e comprimidos, então, além das cápsulas convencionais, a farmácia pode preparar soluções líquidas para garantir o tratamento dessas pessoas”, explica.

Além da aplicação do medicamento para pacientes com covid-19, as farmácias podem contribuir para preparar medicamentos que supram a demanda de pacientes crônicos (lúpus e doenças reumáticas), que fazem uso contínuo dessas substâncias e se viram desabastecidos em meio à corrida pelo medicamento que ocorreu na última semana.

RUTE cria grupo especial para atuar no combate à pandemia do Coronavírus

Artigo anterior

App de pré-triagem virtual do Coronavírus indica identidade e local de casos suspeitos

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News