NewsNewsletter

Paraná Clínicas, empresa do Grupo SulAmérica, anuncia construção de um Centro Integrado de Saúde em Londrina

0

A Paraná Clínicas, empresa do Grupo SulAmérica, inicia sua expansão de atividades a partir de novembro, em Londrina, com objetivos de aumentar o número de vidas atendidas, médicos credenciados e construção de um Centro Integrado de Medicina, uma das marcas registradas da operadora. 

Segundo Raquel Giglio, vice-presidente de Saúde e Odonto da SulAmérica, a marca tem buscado expandir sua atuação e esta região é estratégica. “A SulAmérica vem investindo na expansão por todo o país, e essa presença de forma mais consolidada em Londrina reforça nossa forte atuação no Sul do Brasil, mercado com importante potencial de crescimento.” 

Com mais de 51 anos no mercado, a Paraná Clínicas possui como referência e diferencial a sua qualidade de atendimento por meio de uma gestão verticalizada, que garante aos beneficiários um atendimento acolhedor, humanizado e integrado. 

A rede credenciada da Paraná Clínicas é uma das mais completas e estruturadas do Estado, com mais de 3.800 profissionais e mais de 100 mil vidas atendidas. “A nossa gestão é referência quando falamos em planos de saúde. Normalmente, as pessoas vão às suas consultas em diversas especialidades e precisam relatar todo seu histórico aos profissionais. No modelo de atuação da Paraná Clínicas, conseguimos que todos os registros fiquem seguros e os profissionais tenham acesso, garantindo, assim, diagnósticos mais precisos”, ressalta Dr. Carlos Mortean, diretor da Paraná Clínicas. 

Com tantas referências de qualificação, em setembro de 2020, a Paraná Clínicas foi adquirida pela SulAmérica. Fazem parte do modelo de negócio da operadora centros clínicos e um hospital-dia. Em fevereiro de 2021, passou a atender em sua rede própria os segurados SulAmérica em Curitiba e Região Metropolitana e anunciou, ainda, o lançamento de um novo Centro Integrado de Medicina (CIM) em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. 

Para Juliano Tomazela, diretor de Estratégia e Produtos de Saúde e Odonto da SulAmérica, a empresa está atenta às movimentações de mercado e vê em Londrina e região uma grande carência de planos empresariais. “Somos referência em planos empresariais no Paraná pela velocidade com que conseguimos nos adaptar aos novos momentos, e estamos sempre atentos à movimentação de mercado. Por isso, acreditamos que essas cidades são estratégicas e potenciais para consolidarmos ainda mais esses dois nomes como referência em saúde e atendimento à população.” 

Com a pandemia de Covid-19, a operadora foi uma das pioneiras no atendimento remoto de seus pacientes, não os deixando desassistidos. A plataforma utilizada, DocWay, é uma das mais confiáveis do mercado e contou, em 2020, com uma base própria de mais de 4,5 mil médicos e mais de 10 milhões de beneficiários. As funcionalidades ampliam ainda mais os serviços oferecidos pelo Telecorona, ofertando atendimento sem burocracia, sem filas e, principalmente, mantendo a humanização necessária.  

Inauguração do Centro Integrado de Medicina  

Seguindo as diretrizes da Paraná Clínicas, empresa do Grupo SulAmérica, no segundo semestre de 2022 está prevista a inauguração de um Centro Integrado de Medicina, com capacidade para realizar mais de 20 mil atendimentos por mês. 

As unidades dos CIM´s possuem atendimentos de diversas especialidades, além de odontologia. É também possível participar de um dos programas de maior sucesso da operadora, o Priori – Programa de Coordenação de Cuidados. Criado em 2012, o serviço engloba diversas atuações em saúde com o objetivo de gerenciar e monitorar pacientes que precisam de maior atenção. “Recentemente, reformulamos o Priori e, mais uma vez, ele se firmou como um programa de sucesso e de reconhecimento por pacientes e corpo clínico. Somente em 2020 foram realizadas mais de 40 mil teleconsultas”, afirma Dr. Carlos Mortean. 

Em Londrina, o objetivo é ampliar cada vez mais a atuação da Paraná Clínicas, já são credenciados mais de 200 profissionais e a expectativa é oferecer atendimento a mais de 3 mil vidas em 2022. 

Regulação inteligente melhora o acesso da população às tecnologias na saúde, defende ABIIS

Artigo anterior

Transformação digital, telemedicina e inovação serão debatidas na 5×5 Tec Summit

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar

Mais News