NewsNewsletter

IA e tecnologia serão inseridas na formação de alunos da área de saúde

0

A NeuralMed, healthtech que desenvolve soluções de auxílio às tomadas de decisões utilizando a inteligência artificial para analisar imagens e textos médicos, e a InovaSanta, unidade de inovação da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSO), instituição que tem a missão de promover ensino e pesquisa na área da saúde, firmam parceria para inserir conceitos da inteligência artificial (IA) e tecnologia na formação dos alunos, ensinando como podem trabalhar com sistemas modernos.

“Por meio dos laboratórios de tecnologia, a NeuralMed vai ensinar os estudantes da área da saúde a analisarem as imagens e textos via IA, e colocá-los como cocriadores de algoritmos de ponta a ponta. Nosso objetivo é qualificar esses alunos para que contribuam, cada vez mais, para o futuro da saúde. Além disso, também aprenderemos com diversas cabeças brilhantes”, explica Anthony Eigier, CEO da healthtech.

Os participantes da primeira turma passaram por uma criteriosa seleção técnica e de soft skills, principalmente devido ao número alto de alunos interessados. De acordo com Irineu Massaia, Vice-reitor da FCMSCSP, a atuação médica está mudando e a educação precisa acompanhar esse movimento, oferecendo conhecimento sobre o que há mais de moderno para os estudantes.

“O uso da tecnologia já é uma realidade no mercado e os profissionais precisam estar preparados para esse cenário. No entanto, para que consigam utilizar as inovações de forma efetiva, devem conhecer todas aplicabilidades e características que possuem. Assim, nosso objetivo é capacitar cada vez mais os estudantes para que estejam inseridos nesse universo desde a faculdade”, afirma.

Todo o projeto está sendo feito pela NeuralMed e FCMSCSP, em que os alunos serão tutorados pelos professores da Faculdade e especialistas da healthtech. Segundo Paula Calderon, Professora e Coordenadora do InovaSanta, o projeto é promissor e permitirá que todos os envolvidos ganhem conhecimento.

“A área da saúde está passando por uma verdadeira transformação e as tecnologias estão revolucionando o setor, oferecendo ferramentas que dão suporte aos médicos em diagnósticos e tratamentos. As inovações estão sendo incorporadas no dia a dia das atividades médicas e se tornarão cada vez mais essenciais para as gerações futuras. Tenho certeza de que o projeto será de grande valor para todos os envolvidos, contribuindo com a busca incessante de conhecimento para a melhora da prática clínica e benefício dos pacientes”, finaliza.

Bionexo bate recorde de transações com novos produtos e digitalização do setor

Artigo anterior

Serviço Enfermeiro na Tela visa oferecer maior acolhimento a pacientes

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar

Mais News