InovaçãoNewsletter

Startup passa a comercializar no Brasil as lentes para óculos mais finas do mercado

0

Ainda pouco comuns no Brasil, as lentes oftálmicas mais finas do mercado, chamadas Tokai 1.76, são oferecidas em território nacional com exclusividade pela Lenscope. A companhia criou uma jornada 100% digital na aquisição de lentes para óculos em um processo simples, eficiente e muito funcional. A tecnologia de lentes de resina com índice de refração de 1.76 permite que esse produto seja pelo menos 30% mais fino que as lentes para alto grau mais comuns no mercado brasileiro. 

A espessura da lente costuma ser um fator primordial para quem usa óculos, sobretudo para pessoas com médio e alto graus. Normalmente, quanto maior a necessidade de correção, mais grossas são as lentes, o que ocorre por conta de fatores como: índice de refração (que mede a capacidade da lente de desviar a luz), design das lentes e escolha da armação. Graças a tecnologia de lentes da Lenscope, seus produtos em resina necessitam de menos material na composição, tornando-se mais finos do que as demais lentes comuns no mercado.

As lentes de resina Tokai 1.76 são especificamente produzidas para pessoas com alto grau, atendendo a todos os tipos de ametropias (miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia). Além disso, as lentes fornecidas pela Lenscope têm tratamentos inclusos em todos os casos, como: antirrisco, antirreflexo, proteção UVA e UVB, além de tratamento hidrofóbico e oleofóbico contra sujeira e tratamento contra microfissuras.

Diferentemente de outras marcas disponíveis no mercado, que aumentam os preços das lentes conforme o aumento do grau e, consequentemente, da espessura, os produtos da Lenscope ainda saem por menos da metade do preço cobrado por outras marcas, mantendo sua altíssima qualidade. Isso acontece devido ao modelo de negócios da companhia, que é 100% digital. Conhecido como re-glazing, nesta modalidade o consumidor envia diretamente a armação e a empresa devolve o óculos já com as lentes dentro das especificações corretas.

Para além das questões técnicas, uma lente ocular menos espessa também significa um maior conforto ao seu utilizador, que pode praticar todas as suas atividades diárias confortavelmente e por muito mais tempo. “Existe uma importante questão relacionada à autoestima na utilização de óculos. Reduzir ou eliminar o efeito “fundo de garrafa” é para muitos tão importante quanto uma boa correção da visão. Inúmeras pessoas deixam de ver e serem vistas por conta da vergonha na utilização de lentes grossas, e a Lenscope trabalha para devolver a autoestima desses consumidores”, afirma Makoto Ikegame, CEO e cofundador da Lenscope.

Governo regulamenta telessaúde para ampliar acesso à saúde em áreas remotas

Artigo anterior

Hilab firma acordo com a Medprev e amplia canal de agendamento de exames

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar