News

Aplicação de realidade virtual em Medicina vence desafio global de startups

0

Uma aplicação de realidade virtual no curso de medicina foi a solução vencedora do Global Impact Challenge Brasil 2018. A final do concurso aconteceu na última terça-feira, 10, quando os jurados, em consenso, escolheram como grande vencedora, a MedRoom. Ligada à área de saúde, a startup oferece uma estrutura de realidade virtual  aliada a materiais didáticos e interativos, para alunos e profissionais da área treinarem e aperfeiçoarem procedimentos.

Por meio de equipamentos e softwares, o estudante consegue fazer uma imersão dentro do paciente, visualizando todos os órgãos e entendendo seus funcionamentos e possíveis deficiências.

Depois de três semifinais regionais no Recife, em São Paulo e Porto Alegre, seis startups foram escolhidas para disputar a grande final, entre 130 participantes. Os competidores tiveram cinco minutos para expor, em inglês, seus projetos e as soluções para os desafios na educação, além de explicar qual é o seu interesse no programa. Após cada apresentação, o júri podia fazer perguntas sobre a startup.

A equipe vencedora ganhou uma bolsa da Escola Concept para participar do “SU Ventures Incubator Program”, no Vale do Silício. Trata-se de um programa de oito semanas de aceleração de startups, que inclui treinamento de liderança aos fundadores dos negócios, estruturação às empresas e um ecossistema para inovação e execução.

O Global Impact Challenge Brasil 2018 (GIC) é realizado pela Singularity University, a comunidade de inovação mais criativa do mundo, em parceria com a Escola Concept, colégio de vanguarda do Grupo SEB.

Barreira cultural é o maior desafio à digitalização de prontuários médicos

Artigo anterior

Como a Internet das Coisas vai transformar o celular no melhor assistente médico e mudar os serviços de saúde

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News