NewsNewsletter

Shift e AFIP agilizam resultado de testes da covid-19

0

A Shift, empresa especializada em Tecnologia da Informação para medicina diagnóstica, e a Associação Fundo de Incentivo à Pesquisa (AFIP) estão trabalhando em conjunto para agilizar o processo de diagnóstico dos testes da covid-19 em âmbito nacional. Por parte da Shift, a empresa é responsável pelo interfaceamento dos equipamentos da AFIP com o sistema Shift LIS, que faz integração e sincronização de todas as informações sobre o paciente e os exames que ele realizou. Dessa forma, os resultados dos laudos são liberados de maneira mais rápida e eficiente.

Nesse processo, a Shift também apoiou o laboratório na definição das regras de negócio para liberação dos laudos, acompanhando a operação e trabalhando em melhorias contínuas para melhor atender à demanda.

No sentido de agilizar o diagnóstico, devido à alta demanda por testes, o Instituto Adolfo Lutz, na capital paulista, vinculado à Secretaria Estadual da Saúde, autorizou a realização de testes pelos laboratórios da AFIP Medicina Diagnóstica, considerada a maior instituição de análises clínicas da rede ambulatorial do Sistema Único de Saúde (SUS). A ação reduziu o tempo de processamento e divulgação dos resultados no Estado de São Paulo, após a habilitação oficial do laboratório AFIP para realização do teste de covid-19 por RT-PCR.

“É muito gratificante, por meio da tecnologia desenvolvida pela Shift, poder contribuir com um cliente de grande abrangência que atua como linha de frente no diagnóstico de covid-19”, destaca Marcelo Lorencin, fundador e presidente da Shift. Segundo ele, o sistema Shift LIS oferece um processo mais ágil e seguro, uma vez que com a interface dos resultados o cliente elimina etapas manuais de avaliação, interpretação de resultados, além da rastreabilidade total dos processos e da conformidade do sistema com as normas de acreditação.

“Por meio desse trabalho desenvolvido com a AFIP conseguimos automatizar as etapas descritas anteriormente e a consequência para a população é receber o diagnóstico de forma mais rápida e segura, através de um processo 100% automatizado em relação aos resultados reportados”, comenta Lorencin.

A AFIP, entidade sem fins lucrativos, tem abrangência nacional, está presente em nove estados e mais de 30 cidades, sendo o maior laboratório de análises clínicas da rede ambulatorial do SUS, responsável por 6,4% da produção no Brasil e 22% da produção no Estado de São Paulo. Realiza cerca de 70 milhões de exames por ano, com capacidade instalada para até 100 milhões.

A Shift é uma empresa brasileira especializada em Tecnologia da Informação para medicina diagnóstica. Fundada em 1992 e com atuação em 22 Estados brasileiros, na Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai, vem desenvolvendo inovações tecnológicas para fornecer mais eficiência, agilidade e competitividade para o segmento laboratorial no Brasil e na América Latina.

Justiça indefere liminar em processo sobre divulgação de dados da Covid-19

Artigo anterior

Mini robô esterilizador vence “hackaton” contra a Covid-19

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News