quarta-feira, maio 22, 2024
Home Gestão Hospital Iamada recebe certificação do programa Closer to Zero

Hospital Iamada recebe certificação do programa Closer to Zero

por Redação
0 comentário

Com objetivo de fortalecer as práticas de segurança relacionadas a prevenção de lesão por pressão, o Hospital Iamada, instituição de saúde localizada em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, anuncia a obtenção da certificação no programa Closer to Zero, criado pela Smith+Nephew em parceria com o Grupo IBES (Instituto Brasileiro para Excelência em Saúde).

Por conta dos longos períodos de internação, muitos pacientes apresentam áreas de necrose e, frequentemente, de ulceração em que as partes moles são comprimidas entre as proeminências ósseas e superfícies duras externas. As lesões são causadas pela pressão não aliviada combinada à fricção, às forças de cisalhamento e também a umidade. Entre os fatores de risco, estão a idade acima de 65 anos, má circulação, imobilização, desnutrição, perda de sensibilidade e incontinência.

O programa Closer to Zero foi estruturado a partir de práticas seguras de prevenção de lesão por pressão, sendo um modelo de certificação para organizações de saúde. Segundo Ivete Assef, gestora no Hospital Iamada, a certificação trouxe ainda mais reconhecimento para a equipe como todo, além de contribuir de forma positiva para o olhar do paciente em relação à instituição. “A iniciativa faz parte da nossa missão de buscar oferecer sempre os melhores cuidados e assistência. Queremos reduzir a incidência de lesão por pressão por meio do fortalecimento de processos e de sistemas que visem ações preventivas, contribuindo para a segurança e para o bem-estar do paciente”, afirma.

Ivete explica que o processo de certificação foi desenvolvido a partir da união da equipe Smith+Nephew e a equipe multidisciplinar do Iamada, que contou com a dedicação e envolvimento dos profissionais de todas as áreas. “Como somos acreditados pela metodologia ONA [Organização Nacional de Acreditação] há mais de dez anos, o processo de certificação Closer to Zero trouxe ainda mais fortalecimento das ações em nossos cuidados e práticas com o paciente”, informa a gestora. 

Entre os principais aprendizados, ela destaca o fortalecimento da gestão de riscos, aliado à evolução constante das boas práticas e monitoramento dos resultados. O programa já está em prática e ativo, com muitos recursos e tecnologias já aplicados. Ivete lembra que, após a certificação, as práticas foram fortalecidas no Hospital e em toda a equipe. 

O Manual do programa Closerto Zero está estruturado em cinco capítulos, desdobrados em 98 padrões. Para cada padrão, são definidos requisitos que devem ser atendidos pela organização de saúde. O capítulo 1 garante os aspectos gerenciais para suporte ao protocolo de prevenção e manejo de lesões por pressão. Os capítulos 2 e 3 são voltados à prevenção e tratamento de lesão por pressão. Os pré-requisitos para o manejo de lesão por pressão estão disponíveis no capítulo 4 do manual. E para a organização que se diferencia na aplicação das melhores práticas de segurança, o capítulo 5 dispõe de pré-requisitos de excelência na prevenção e manejo de lesão por pressão. 

Para ser certificada, a instituição de saúde precisa atender 80% dos padrões do manual, constatado pelas equipes de avaliadores do IBES, presencialmente, para análise das evidências fornecidas.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside