InovaçãoNewsNewsletter

Mendelics e Hospital Sírio Libanês desenvolvem teste rápido e baixo custo para Covid-19

0

O novo teste molecular para COVID-19, desenvolvido pela Mendelics em parceria com o Hospital Sírio-Libanês, identifica a presença do SARSCoV2 em amostra de saliva durante o período de infecção ativa do vírus.

O protocolo é baseado na técnica de amplificação isotérmica mediada por loop com transcriptase reversa (reverse transcriptase loop-mediated isothermal amplification, RT-LAMP). É simples, preciso com resultados prontos em até 24 horas.

O SARS-CoV2 é um vírus de RNA e, por isso, o teste inclui uma etapa de transcrição reversa (RT), na qual o RNA é transformado em DNA. Em seguida, regiões específicas do vírus são amplificadas milhares de vezes por meio da técnica de LAMP. Na LAMP, a amplificação é feita em temperatura fixa, por cerca de uma hora, em um termociclador convencional. Essa estratégia é eficiente e específica, gerando até 109 cópias da região alvo em apenas uma hora. O teste de RT-LAMP é realizado diretamente na saliva do paciente.

Características do teste

Em parceria com o Hospital Sírio-Libanês, o RT-LAMP foi feito com testagem paralela de RT-PCR, técnica padrão ouro para diagnóstico do COVID-19. O estudo demonstrou que o teste RT-LAMP tem especificidade e sensibilidade equivalentes ao RT-PCR.

A estratégia de LAMP já é amplamente utilizada para diagnóstico de diversas outras doenças infecciosas, como Dengue, Chikungunya e Hepatite Ae Zika1,2. Até o momento, testes baseados em RT-LAMP e RT-PCR foram os únicos testes moleculares aprovados pelo FDA para detecção de COVID-19.

Além do protocolo ser mais simples e rápido do que o RT-PCR, o RT-LAMP não requer o uso de aparelhos laboratoriais complexos, como termociclador em tempo real ou de reagentes em falta na pandemia. Assim o RT-LAMP tem grande escalabilidade, permitindo o processamento de milhares de amostras diariamente, e reduzindo significativamente o custo da testagem.

Mais de 970 mil profissionais de saúde cadastrados para atuar no combate à Covid-19

Artigo anterior

Número de planos de saúde mantêm-se estável em abril

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar