segunda-feira, abril 15, 2024
Home Inovação Unimed Floripa usa IA para acelerar autorizações de procedimentos

Unimed Floripa usa IA para acelerar autorizações de procedimentos

por Redação
0 comentário

Como parte da busca por soluções inovadoras que melhorassem o desempenho operacional, a Unimed Grande Florianópolis adotou, em janeiro de 2022, uma solução baseada em inteligência artificial (IA) para agilizar o processo de autorizações de procedimentos, área que é uma das que mais precisa oferecer respostas rápidas, pois a rapidez na aprovação de exames, cirurgias e procedimentos impacta diretamente na saúde e no bem-estar dos clientes. A implementação do software Autorizaí, da startup Triágil, tem permitido à operadora de saúde autorizar de forma automática centenas de requisições que antes precisavam de cinco dias úteis de análise de auditores para serem aprovadas.

O volume de análises de autorização de procedimentos é grande e contínuo. Cerca de 20 mil solicitações de autorização de procedimentos são realizadas por mês na Unimed Grande Florianópolis para pacientes da própria cooperativa. Entre elas, constam vários tipos de guias, com diferentes graus de complexidades. A implantação da tecnologia da IA começou pelas guias de Serviço de Apoio Diagnóstico Terapêutico (SADT), que representam 9 mil solicitações mensais.

Desde a implementação da tecnologia já é possível estimar os ganhos proporcionados pela nova ferramenta aos resultados operacionais, que impactam diretamente a saúde dos clientes da cooperativa médica. Nos primeiros cinco meses de implantação, por exemplo, 14 mil solicitações foram finalizadas de forma automática pelo Autorizaí. “Se considerarmos  a base histórica, as mesmas guias ficariam em análise por cinco dias úteis, em média. A partir do uso da tecnologia, os mesmos 14 mil beneficiários receberam a finalização de forma imediata”, conta Magáli Espindola, coordenadora de autorização na Unimed Grande Florianópolis.

Rodrigo Soares, analista de autorização e facilitador do projeto na Unimed Floripa explica que a inteligência artificial na área de autorizações integra uma das fases mais importantes na jornada do paciente com a operadora: ter acesso aos serviços de saúde. “Entendemos desde o início que precisaríamos impactar positivamente a experiências dos pacientes e em paralelo garantir à operadora otimização dos processos e controle de custos operacionais e assistenciais”, completa.

A IA também foi importante durante a pandemia de Covid-19, quando a cooperativa adotou uma inteligência artificial capaz de prever a demanda por atendimento a pessoas suspeitas de infecção pela Covid-19. Atualmente, a plataforma online PA Digital, acessível por celular, tablet ou computador, permite ao paciente se conectar para tirar dúvidas sobre sintomas de outras doenças, de modo a fazer uma triagem virtual de onde estiver, ajudando as equipes de saúde da Unimed Floripa na previsão e volume de atendimentos presenciais. Para o CEO da Unimed Floripa, Richard Oliveria, o futuro da inteligência artificial na saúde vem carregado de oportunidades. “Na medida em que avançamos para um mundo digital mais conectado, soluções de IA se tornam um ativo de pessoas para pessoas”.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside