quarta-feira, maio 22, 2024
Home News CalcLab desenvolve software para aprimorar análise de exame laboratorial

CalcLab desenvolve software para aprimorar análise de exame laboratorial

por Redação
0 comentário

Profissionais de saúde já podem contar com uma ferramenta que aprimora a precisão do diagnóstico. O CalcLab é um software que facilita e agiliza a interpretação de exames laboratoriais. Considera-se ainda o tempo que será otimizado na interpretação de exames durante a consulta. Com isto, pode-se mapear mais possibilidades diagnósticas e focar na conduta a ser tomada, até mesmo fazer o encaminhamento necessário para especialistas caso o problema detectado fuja da sua área de atuação.

A CEO da CalcLab, Karla de Araújo Lacerda, explica que o software agiliza e facilita ao automatizar a parte de interpretação dos exames, aplicando cálculos, inter-relacionando itens e conversão de unidades para extrair os valores ideais dos parâmetros dos exames, ao invés de valores de referência. “O software, por conta de seu motor agnóstico de processamento de exames laboratoriais, permite o processamento de mais de 800 laboratórios nacionais, americanos, chilenos, portugueses, americanos, espanhóis e até dos emirados árabes”, conta.

Ao usar valores ideais e não os de referência, o software identifica índices que estão próximo dos limites, evitando o quadro clínico do paciente, desfavorável. Com isto, o profissional de saúde terá tempo de atuar para que doenças, principalmente as crônicas, não se desenvolvam.

“Para fazer uma interpretação detalhada e personalizada dos exames é necessário um tempo de consulta, cálculos e entendimento das tabelas de resultados que, na maioria das vezes, os profissionais não conseguem despender no cotidiano do consultório. Ao realizar o cálculo minucioso dos diagnósticos, é possível para o Calclab encontrar indícios de doenças que podem surgir no futuro”, diz Karla.

O CalcLab foi criado em 2020 pelos nutricionistas Karla Lacerda e Gabriel de Carvalho, que ainda é farmacêutico bioquímico e estudioso da mecânica de resultados laboratoriais. Com o pensamento de encontrar uma solução para esse problema, por meio de uma tecnologia que interpreta os exames laboratoriais em poucos minutos, começou a história da healthtech.

Por facilitar a interpretação de exames no Brasil, o CalcLab foi vencedor do concurso nacional StartBsB, concorrendo com aproximadamente, mil startups na categoria Startups Inovadoras e recebeu R$ 130 mil como premiação pela inovação. O software acaba de receber o prêmio do Demoday Startup Brasília 2030, pela inovação como healthtech e ainda está entre os finalistas no Programa Mulheres Inovadoras 2022, do governo federal, que reuniu projetos de inovação conduzidos por mulheres.

Com o software, o profissional de saúde consolida as informações sobre a saúde do paciente. Contudo, alerta a CEO, é uma ferramenta excelente para o momento do check-up de revisão do quadro clínico do paciente. Se a saúde estiver debilitada por uma doença, os índices estão alterados. “Nesse sentido, indicamos a ferramenta para ser usada como uma análise preventiva. É o conceito da saúde global que adverte sobre possíveis cuidados, para que não se chegue a adoecer”, conta Karla.

O CalcLab está inserido no mercado de Saúde Digital, que abrange um amplo escopo de tecnologias ofertadas ao usuário; ferramenta necessária para tomar decisões mais ponderadas e baseadas em dados sobre a saúde e bem-estar do paciente.

Diagnóstico mais preciso

Ao usar valores ideais e não os de referência, o software identifica índices que estão próximos do limite, e aponta, de forma preventiva, parâmetros que devem ser tratados com atenção pelos profissionais de saúde.

Karla ainda explica que o CalcLab funciona como uma calculadora rápida, eliminando erros, e entregando para o profissional de saúde todos os cálculos e relacionamentos entre exames prontos e visualmente organizados. “E aí, cabe ao profissional de saúde unir as informações do software com outros fatores externos para então adotar sua conduta, seja médica ou nutricional”, afirma.

Dessa forma, o médico ganha tempo para evitar que doenças, principalmente as crônicas, se desenvolvam como por exemplo: diabetes, hipertensão, síndrome metabólica, deficiências nutricionais e suas consequências, como hipercolesterolemia, alguns casos de hipotireoidismo, doenças coronarianas e cardiovascular.

Mercado

Pelo CalcLab, o profissional de saúde tem em mãos um modelo de negócio SaaS (software como serviço), com cobrança mensal, trimestral ou anual, sem limites de processamento. O software destaca-se pela solução inovadora, que nasceu com o propósito de levar qualidade de vida aos pacientes. “Muitas vezes as pessoas saem de consultas sem a noção exata do seu quadro clínico. Com o software, os pacientes diagnosticados previamente podem antecipar soluções para manter a vida saudável”, conta Karla.

“O CalcLab mapeia pontos do exame laboratorial, com centenas faixas aceitáveis de indicadores sanguíneos personalizadas de cada paciente ao profissional que está analisando, ajudando a aprimorar ainda mais o diagnóstico do paciente e melhores métodos para correção ou prevenção de tal problema”, explica ela.

O serviço é direcionado aos profissionais de saúde, como médicos, nutricionistas, dentistas, farmacêuticos e educadores físicos, que contaram com uma ferramenta que irá otimizar a consulta, dando mais segurança no diagnóstico.

Software como serviço

Bastante conhecido por ser o modelo de negócios de empresas como Netflix e Spotify, o CalcLab segue o chamado software como serviço (SaaS). Ou seja, ele funciona como uma assinatura mensal em que o profissional da saúde pode processar quantos exames precisar.

“Acredito que esse seja o modelo mais justo para os dois lados, pois garante uma previsibilidade de caixa para a empresa, e nosso cliente tem sempre disponível um serviço atualizado. Afinal de contas, precisamos investir em constante evolução para surpreender sempre”, argumenta a CEO.

Atualmente, a healthtech tem mais de 5 mil profissionais utilizando a plataforma, com mais de 300 mil exames processados. “Nosso objetivo é chegarmos a 90 mil assinantes em 5 anos”, antecipa Karla.

Para dar vida ao CalcLab, ela vendeu dois apartamentos para iniciar a operação, equivalentes a R$ 1 milhão. Na perspectiva de se consolidar no mercado, em 2022 a startup realizará uma rodada de captação de recursos de, aproximadamente, R$ 15 milhões para conseguir levar o software mais um passo à frente. Em expansão, a empresa conta com oito profissionais em seu quadro funcional e, após a captação, o esperado é que se atinja 50 colaboradores.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside