quinta-feira, abril 18, 2024
Home Gestão MV tem recorde de vendas em 2023 e avança nos investimentos em pesquisa

MV tem recorde de vendas em 2023 e avança nos investimentos em pesquisa

por Redação
0 comentário

A MV registrou em 2023 faturamento de R$ 500 milhões e o melhor ano de venda desde sua inauguração, com R$ 197 milhões em novas vendas. O resultado foi impulsionado pela área hospitalar e a área de infraestrutura, com as soluções pertencentes ao ecossistema liderado pela companhia.

Nas tendências da evolução digital da saúde, a MV vem crescendo exponencialmente desde sua criação. São 36 anos de trajetória, 4 mil clientes usuários, 125 mil leitos administrados por suas soluções, mais de 75 milhões de vidas impactadas pelas tecnologias, além de 214 mil médicos que fazem parte dos 600 mil profissionais que utilizam as soluções MV. Nesse mercado, a healthtech atua em 33% do market share de hospitais brasileiros de grande porte e mais 30% do setor de operadoras de planos de saúde do País, com destaque para os dois terços das operadoras Unimed no Brasil, às quais a MV fornece soluções.

Com o compromisso de oferecer uma base sólida para um atendimento de saúde de qualidade no Brasil, a multinacional ultrapassa as fronteiras e vem se consolidando no mercado da América Latina, com a expectativa de ampliar a participação em mais países até 2025. Atualmente, está presente na República Dominicana, Panamá, Peru, Equador, Guatemala, Paraguai, Uruguai e Argentina.

“O nosso trabalho é promover excelência, segurança e eficiência no cuidado das pessoas, focando na saúde, e não na doença. Seguiremos parceiros das instituições de saúde na busca pela transformação digital, oferecendo melhorias para as organizações, profissionais do setor e pacientes, para que todos possam focar no atendimento e na promoção de bem-estar”, diz Paulo Magnus, CEO da MV.

Para fortalecer seu ecossistema de soluções para a saúde, a MV já realizou mais de uma dezena de aquisições na última década e continua reforçando a presença no segmento da saúde 360. O ano de 2023 foi marcado por transações relevantes, como a aquisição da Maida Health, empresa de tecnologia da Hapvida NotreDame Intermédica, especialista em soluções de gestão para operadoras e planos de saúde com forte apoio de inteligência artificial e presença em todo o território nacional.

Além disso, os investimentos em inovação, pesquisa e desenvolvimento também foram diferenciais para o atingimento dos resultados positivos da MV. A área recebeu ano passado mais de R$ 80 milhões em investimentos, especialmente para a jornada digital, IA para o prontuário e medicina diagnóstica, além da automação da área de serviços e testes.

No último ano, a MV conquistou mais de 700 novos clientes, entre eles o Hospital CEMA, Cruz Azul Saúde, Hospital de Três Lagoas, Hospital Santa Helena (Cuiabá) e o Serviço Social da Indústria (SESI) do Rio Grande do Sul. Na lista também estão demais hospitais, unidades de pronto atendimento, secretarias de saúde e operadoras de planos de saúde.

“Observamos o movimento do mercado na busca pela transformação digital. Ainda impulsionados pelo cenário pós-pandemia, vemos que a adoção de soluções para a gestão, faturamento e demais etapas da jornada assistencial tem crescido, e nesse contexto a MV desempenha um papel de protagonismo no entendimento das dores dos nossos clientes”, explica Jeferson Sadocci, Diretor Corporativo de Mercado e Cliente da MV.

MV também entrou para o mercado de odontologia no ano passado, anunciando a aquisição da Dentalis, empresa líder em software para odontologia no Brasil. Com a associação, os clientes da empresa passaram a ter acesso ao portfólio da MV e ao MV Bank, solução criada para facilitar a rotina financeira da saúde, favorecendo diferentes formas de pagamentos e recebimentos de clínicas e hospitais, exames e cirurgias.

Ainda em 2023, a empresa fechou parcerias estratégicas com grandes empresas de tecnologia. Com a Amazon Web Services (AWS), a MV fechou a primeira parceria de uma healthtech brasileira com a gigante norte-americana e busca soluções para trabalhar a gestão da Jornada da Saúde sob uma nova perspectiva, com apoio da inteligência artificial. Já com a chinesa Huawei, líder global de tecnologias da informação e comunicação, o foco está na modernização das soluções MV e no desenvolvimento de produtos menos dependentes de tecnologias proprietárias. Dessa forma, será possível criar ferramentas de integração de dados e integração de soluções mais acessíveis a diversos perfis de clientes.

“Essa conexão atinge proporções ainda maiores para a gestão da saúde, principalmente na hora de facilitar a troca de informações entre médicos e todo o ecossistema do setor, para analisar tudo em tempo real. A integração de dados tem sido um dos grandes desafios do segmento. E isso, invariavelmente, nos leva às discussões sobre a importância da interoperabilidade entre sistemas.”, comenta Paulo Magnus.

A agenda para 2024 deve ser pautada ainda mais por inovações que tragam segurança e qualidade aos serviços assistenciais. Entre elas, a integração de sistemas, automatização de processos, ampliação da telemedicina, além de ferramentas apoiadas por Inteligência artificial, 5G, Big Data e Analytics, robótica e monitoramento de dados.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside