NewsNewsletter

Empresa do DF anuncia chegada de 20 milhões de autotestes de Covid-19 na próxima semana

0

A CPMH Produtos Hospitalares, primeira empresa autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a comercializar autotestes de Covid-19 no Brasil, receberá o primeiro lote importado do produto na próxima semana. A empresa brasiliense distribuirá 20 milhões de unidades do Novel Coronavirus (Covid-19) Autoteste Antígeno para redes de farmácia, lojas de artigos médicos e e-commerces. Portanto, após o prazo previsto, o produto, que atende aos critérios técnicos de qualidade e desempenho definidos pela Anvisa e pelo INCQS (Fiocruz), já estará disponível para a população brasileira.  

Vale destacar que já existem contratos fechados com farmácias e lojas. Mas, neste momento, a empresa não tem uma expectativa oficial sobre o preço dos autotestes, produzidos pela empresa chinesa Bioscience (Tianjin) Diagnostic Technology Co.,Ltd, já que o preço final ao consumidor depende da política comercial da empresa que irá realizar a venda. No caso dos autotestes, as farmácias e lojas de artigos médicos.  

Com a chegada imediata do lote de 20 milhões de unidades na próxima semana, a expectativa é transformá-lo em mais um importante instrumento no combate à pandemia causada pelo Covid. “É extremamente gratificante ser a primeira empresa a fornecer um instrumento que vai contribuir para que o nosso país saia, o mais rápido possível, desse momento sanitário tão grave. O produto é preciso e apresenta alta acurácia”, acrescenta Rander Avelar, responsável técnico da empresa. A quantidade de unidades dos próximos lotes está sendo programadas com as farmácias.  

Como funciona  

O Novel Coronavirus (Covid-19) Autoteste Antígeno (CPMH) permite o resultado em 15 minutos. O autoteste pode ser utilizado entre o 1° e o 7° dia do início de sintomas (como febre, tosse, dor de garganta, coriza, dores de cabeça e no corpo, por exemplo). Caso não haja sintomas, ou nos casos que se tenha contato com alguém que testou positivo, é recomendado que se aguarde pelo menos cinco dias para realizar a autotestagem.  

Vale enfatizar que o resultado do autoteste serve como uma orientação para o paciente, mas não é considerado um diagnóstico. Caso o resultado seja positivo, o paciente deve imediatamente evitar o contato com outras pessoas, pois isso quebra a cadeia de transmissão da Covid-19. Quando possível, é recomendado procurar atendimento especializado de profissionais de saúde para confirmar o diagnóstico.  

O QR Code disponível na bula do autoteste dá acesso a um link (cpmh﹒com﹒br/autoteste) com um vídeo que esclarece todas as orientações sobre o uso do produto. Além disso, a CPMH disponibiliza uma central de atendimento na qual profissionais da saúde especializados esclarecem dúvidas sobre a correta utilização do autoteste. O atendimento pode ser realizado por contato telefônico (0800), e-mail e mensagens via aplicativo WhatsApp. 

Startups biodigitais são aceleradas em colaboração com grandes empresas

Artigo anterior

Covid-19 e H3N2: como retomar a eficiência na gestão hospitalar a partir de agora

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar

Mais News