NewsNewsletter

Viveo adquire a Boxifarma e amplia investimento em serviços ao paciente

0

Com o objetivo de fortalecer a estratégia de direct to patient e ao mesmo tempo agregar valor ao negócio com oferta de novos serviços, a Viveo, que reúne diversas empresas que atuam desde na fabricação  e distribuição de materiais e medicamentos até a gestão de clientes, acaba de comunicar ao mercado a aquisição da Boxifarma. O valor da transação não foi revelado.

Sediada em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, a startup é a primeira empresa da América Latina a prestar serviços farmacoterapêuticos de unitarização automatizada com uma tecnologia já utilizada na Europa e Estados Unidos. Na prática, faz uso de softwares proprietários, robôs, inteligência artificial e outras tecnologias ao longo de todo o processo que vai da organização da prescrição médica, passando pela confecção personalizada do plano de medicação e tratamento, até a entrega e acompanhamento farmacêutico do paciente.

As máquinas utilizadas são especializadas na confecção personalizada das fitas de medicamentos para cada cliente, sendo produzidos envelopes de acordo com a prescrição mensal conforme as receitas médicas, por dose, dia e horário. Ao final da produção, cada envelope é fotografado e conferido por Inteligência Artificial que garante ao farmacêutico a máxima segurança e agilidade do processo como um todo.  

O serviço engloba, ainda, outras soluções tecnológicas que aprimoram o cuidado e simplificam a gestão do tratamento de pacientes como a avaliação farmacêutica que pesquisa as possíveis interações medicamentosas que podem ocorrer com a combinação dos medicamentos. Essa função é realizada com auxílio de Inteligência Artificial e operada por farmacêuticos, ajudando a evitar potenciais efeitos adversos ao tratamento.

Outro exemplo é a leitura “beira-leito” do envelope via QR Code de cada horário com o celular do paciente ou do cuidador/enfermeiro, realizada ao final do processo, na hora correta de tomar a medicação, que registra o horário de administração e, caso isso não ocorra no horário correto, também emite alarmes e lembretes para melhorar a adesão ao plano de medicação. 

Para Leonardo Byrro, CEO da Viveo, essa aquisição reforça a estratégia da empresa de atuar de forma integrada em toda a cadeia de saúde, além de estar alinhada aos planos de expansão do ecossistema. “A Boxifarma chega com o objetivo de complementar e acelerar o crescimento do modelo de negócio da Far.me e da nossa estratégia de cuidar dos pacientes. Além disso, nos permite avançar na agenda de serviços para hospitais e clínicas e pode ser também complementar aos serviços das empresas de manipulação que divulgamos a aquisição recentemente Queremos, com essa aquisição, agregar ainda mais valor ao negócio por meio do uso de tecnologia intensiva e ampliar os serviços ao paciente oferecidos para outras regiões do país, além de Minas Gerais e São Paulo, já atendidos hoje pela Far.me”, explica.

Por que investir em interoperabilidade na área de saúde?

Artigo anterior

Programa de aceleração de startups seleciona duas empresas de saúde e bem-estar

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar

Mais News