NewsNewsletter

Brasil terá solução para testes de marcadores cardíacos e doenças infecciosas

0

A Vyttra Diagnósticos, fabricante nacional de equipamentos e reagentes para o segmento de análises clínicas,  trouxe para o Brasil uma tecnologia hospitalar utilizada principalmente em casos de emergências de pacientes com enfermidades cardiovasculares. Trata-se do sistema híbrido RAMP 200, solução que realiza testes de marcadores cardíacos e doenças infecciosas no ambiente de laboratório.  Segundo a empresa, ela reduz as taxas de erro em potencial  e o tempo de atendimento, fornecendo resultados de diagnósticos em até 15 minutos.

“O paciente que está infartando precisa de um diagnóstico rápido, como o RAMP 200 utiliza amostra de sangue total, isto traz uma vantagem significativa para a tomada de decisão clínica em comparação com os métodos que utilizam soro ou plasma e dependem da centrifugação da amostra. O equipamento fornece a agilidade que a emergência precisa”, afirma Eduardo Silva, biomédico e especialista de produtos na Vyttra Diagnósticos. 

A solução permite realizar até seis testes diferentes com a mesma amostra ou em diferentes pacientes simultaneamente, tais como Troponina I, CK-MB, Mioglobina, BNP, Dímero D, Procalcitonina, β-hCG total e antígeno para covid-19. O equipamento não necessita de calibração ou manutenção. Além do RAMP 200, a companhia também é responsável pela distribuição do RAMP Reader, tecnologia que realiza apenas um teste por vez. 

Segundo Daniel Rocha, diretor de point of care da Vyttra Diagnósticos, a empresa investe continuamente em novas tecnologias, além de estar atenta as novidades do mercado.  “Temos uma cultura que visa a inovação buscando pioneirismo no desenvolvimento e fabricação de soluções em point of care. Sempre estamos à procura de novas tecnologias que beneficiem a população e auxiliem no diagnóstico de diversos tratamentos. Nossa parceria com a Response Biomedical, empresa canadense renomada no setor de medical devices, nos possibilitou oferecer ao mercado brasileiro uma solução de alta qualidade que auxiliará na investigação de doenças cardiovasculares”, destaca.    

As doenças cardiovasculares representam a principal causa de mortes no Brasil. Segundo dados do Cardiômetro, indicador do número de mortes por doenças cardiovasculares no Brasil, da Sociedade Brasileira de Cardiologia, estima-se que até ao fim deste ano, quase 400 mil brasileiros virão a óbito por doenças do coração e da circulação.

Instituições de saúde precisam apostar na educação como chave para um futuro melhor

Artigo anterior

Conexa conquista certificação de garantia de proteção de dados de pacientes

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode gostar

Mais News