quinta-feira, maio 30, 2024
Home Artigos Do Marketing ao Tributário: a tecnologia está transformando a gestão médica.

Do Marketing ao Tributário: a tecnologia está transformando a gestão médica.

por José Pedroza
0 comentário

Um ambiente de trabalho com qualidade e bons resultados são aspectos de clínicas diretamente influenciados por investimentos em gestão médica. Carregando nuances que passeiam desde políticas de comunicação até a esfera de Compliance fiscal, o cenário atual compreende que um bom atendimento está relacionado a um excelente gerenciamento estratégico, que traga eficiência de seus processos e uma ótima experiência aos profissionais e pacientes.  

Lendo as necessidades dos consultórios, o mercado de tecnologia, o qual evolui em um ritmo acelerado, democratiza suas soluções para atender também à gestão médica, oferecendo novas ferramentas e abordagens que melhoram significativamente a qualidade dos cuidados de saúde, desde a organização interna até o atendimento aos pacientes.  

À medida que os avanços tecnológicos se destacam, a integração contínua surge como o principal benefício que as clínicas reconhecem em suas práticas, possibilitando que estejam de acordo com o contexto dinâmico que os consultórios vivenciam diariamente.  

Consultórios adoecidos? Produtividade e eficiência devem ser aprimoradas! 

Uma gestão médica de qualidade só é possível quando os departamentos internos estão alinhados, com seus potenciais maximizados e com baixas probabilidades de riscos à segurança. Sem um gerenciamento de consultório apropriado, a produtividade médica diminui em termos financeiros, operacionais, e de recursos, impactando em seu funcionamento e, consequentemente, no atendimento dos pacientes, um reflexo nada saudável para um ambiente de cuidados com a saúde.  

Comecemos pensando que a tecnologia pode ser uma aliada fiel para diminuir a burocracia e oferecer conformidade com as regras de segurança da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados). A gestão de documentos médicos recebe influência de processos administrativos que podem parecer intermináveis, da mesma forma que a privacidade de dados e segurança no colhimento e tratamento de informações pode ser mais um tópico sensível.  

A fim de aprimorar e ganhar praticidade, tecnologias de gerenciamento conseguem integrar as informações necessárias e tornar o processo de validação muito mais simples e seguro, garantindo uma operação facilitada para os profissionais e, por decorrência, impactando positivamente os pacientes com uma imagem moderna e organizada.  

Em paralelo, quando analisamos a conformidade financeira de consultórios, a presença digital consegue adequar clínicas à menor carga tributária, deixando-as atualizadas quanto às mudanças normativas. O setor de saúde, de modo geral, lida com regulamentações complexas e, para amenizar o quadro, a expertise tecnológica possibilita que procedimentos de faturamento e reembolsos cumpram com a exatidão de dados, sem causar dores burocráticas.   

Além da área administrativa e tributária, soluções tecnológicas também conseguem contribuir para reduzir os desafios de comunicação e marketing. Pode parecer ousado, mas clínicas modernas estão cada vez mais atentas em captar seu público-alvo, principalmente porque o mercado de medicina é muito competitivo, sendo mais um motivo para compreendermos que o planejamento e a automação do relacionamento personalizado são absolutamente essenciais para aprimorar a comunicação. 

A experiência dos pacientes nivela a reputação de clínicas e consultórios, recebendo feedbacks positivos quando a automação está atrelada aos serviços. Ter a opção de agendamento online, por exemplo, é um atrativo para os pacientes, que deixam de enfrentar complexidade na comunicação com os consultórios para marcar uma simples consulta. Os resultados, claro, são sentidos no relacionamento entre profissional-paciente, fidelizando suas jornadas.   

A tecnologia é a amiga da gestão médica  

Sabemos que o tempo é um fator essencial para médicos e clínicas, que dedicam seus esforços para atender pacientes e oferecer qualidade de vida. Entendendo isso, em adição com os aspectos de comunicação e de administração financeira citados anteriormente, buscar facilitação na organização rotineira é um caminho que a tecnologia vem performando bem!  

Além da agilidade na automação de agendamentos, bem como a aproximação com operações online, que facilitam a organização interna, mas também colaboram para a praticidade dos pacientes, a tecnologia possibilita que a gestão médica usufrua da integração e de conformidade com o Compliance. 

Por ter um grande volume de informações, consultórios precisam integrar seus processos de forma segura, respeitando a privacidade de dados, além de otimizarem operações burocráticas, como prescrições ou emissões de notas fiscais, que auxiliam no controle do serviço de atendimento e de finanças, simplificando o gerenciamento médico. 

Clareza e objetividade são praticamente sinônimos por uma gestão médica devidamente ligada à tecnologia, sendo a chave de virada para impulsionar a produtividade e os cuidados com os pacientes, ao mesmo tempo em que as atividades administrativas e de relacionamento com os pacientes não são negligenciadas. Como informa um estudo recente da ANAHP (Associação Nacional de Hospitais Privados), 85% dos consultórios entrevistados já utilizam soluções inovadoras para a rotina médica, ou seja, mais uma evidência que as novidades tecnológicas também podem – e devem – fazer parte do espectro médico, a fim de proporcionar simplicidade a processos complexos e excelência para serviços de atendimento. 

José Pedroza, Diretor Médico na Amigo Tech.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias