sexta-feira, abril 12, 2024
Home Inovação Fujitsu e CSB farão pesquisas em medicina personalizada e computação quântica

Fujitsu e CSB farão pesquisas em medicina personalizada e computação quântica

por Redação
0 comentário

A Fujitsu, gigante japonesa de tecnologia da informação e comunicações (TIC), firmou acordo com o Centro de Supercomputação de Barcelona (CSB) para promover a medicina personalizada por meio da exploração de dados clínicos e avançar em tecnologias de simulação quântica usando redes tensoras — vetores, matrizes, etc. Com base na parceria, as duas empresas iniciarão pesquisas conjuntas ainda este mês.

Em comunicado, as empresas dizem que o primeiro projeto de colaboração visa posicionar a Fujitsu e a CSB na vanguarda de um novo campo fundamental para permitir a medicina de precisão. A iniciativa busca um aumento na capacidade de explorar diferentes tipos de dados clínicos a serem usados, desde características moleculares no genoma até características de grande escala em imagens de raios X.

“Dessa forma, as duas partes contribuirão não apenas para melhorar as taxas de detecção de doenças, mas também para reduzir a carga dos médicos no diagnóstico de doenças. Grandes esforços estão sendo feitos para disponibilizar dados clínicos, mas o desenvolvimento de tecnologias para explorá-los totalmente ainda está em seus estágios iniciais”, avalia Nilton Hayashi (foto ao lado), diretor de business operations da Fujitsu do Brasil.

O projeto combina a experiência do departamento de Ciências da Vida da CSB em processamento de linguagem natural de registros médicos, genômica e redes multicamadas com a pesquisa existente da Fujitsu em inteligência artificial (IA) genômica, descoberta causal em larga escala, visão computacional e tecnologia de computação de alta velocidade em computação de alta performance (HPC, na sigla em inglês). As duas partes pretendem criar uma tecnologia escalável de IA multimodal de próxima geração para a medicina de precisão, analisando dados médicos com estrutura gráfica em grande escala e aproveitando seus respectivos pontos fortes.

Outro importante objetivo da colaboração é o desenvolvimento de gêmeos digitais em biomedicina, usando dados genômicos, médicos e de imagem como entrada para modelos de processos biológicos e interações celulares.

Simulação de computação quântica

A segunda iniciativa colaborativa foca na simulação de circuitos quânticos usando redes tensoriais. A simulação de computadores quânticos oferece a possibilidade de projetar, desenvolver e testar novos algoritmos quânticos em condições ainda não disponíveis em dispositivos experimentais.

Expandir a escala dos cálculos do circuito quântico representa um desafio contínuo, pois os simuladores quânticos atuais devem dobrar a memória ao aumentar o tamanho de um circuito quântico para 1 qubit.

Para resolver esse problema, as duas empresas utilizarão redes de tensores para reduzir a complexidade computacional dos circuitos quânticos, com um simulador quântico que pode realizar cálculos de circuitos quânticos em larga escala mantendo a capacidade de memória e permitindo simulações comparáveis em tamanho aos melhores dispositivos quânticos atuais.

Neste projeto, a BSC e a Fujitsu desenvolverão novos métodos de rede de tensores de computação de alta performance adequados para os sistemas da Fujitsu e outras arquiteturas modernas. Numa segunda fase, os resultados serão aplicados a problemas relevantes de clientes industriais, incluindo um estudo abrangente de potenciais aplicações de simulação de circuitos quânticos.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside