Home News Tuinda investe na expansão do dispositivo TytoCare em telemedicina

Tuinda investe na expansão do dispositivo TytoCare em telemedicina

por Claudiney Santos
0 comentário

A Tuinda Care, startup focada em soluções de telemedicina, tem uma história diferente da convencional. Com sede em Curitiba, ela surgiu em 2020 por meio de uma iniciativa da Associação Eunice Weaver, mantenedora do complexo Hospitalar Pequeno Príncipe, no Paraná, em parceria com a Fundação José Luiz Egydio Setúbal, controladora do Hospital Infantil Sabará e do Instituto Pensi, ambos em São Paulo.

A solução é formada por uma plataforma de telemedicina, que recebe dados do dispositivo portátil TytoCare, criado por uma empresa israelense, que permite a realização de exame físico em qualquer lugar que haja conectividade de internet. Os resultados dos exames de batimento cardíaco, temperatura, auscultação do pulmão, inspeção do ouvido, etc, são enviados para uma plataforma digital, onde o médico acessa e pode analisar em detalhes cada exame para então chegar a um diagnóstico com segurança. Todo o processo é feito remotamente, sem a necessidade de estar frente a frente com o paciente.

O Hospital Pequeno Principe está atendendo de foram remota uma aldeia indígena perto da região urbana de Curitiba. Em 2022 foram atendidas 56 crianças e em 2023 já foram 49, o que cobriu 82% de toda a população pediátrica da aldeia, sem necessidade deslocar as crianças para o hospital.

Recentemente a Tuinda foi anunciada como parceira do Hospital Albert Einstein em um projeto de inovação que tem como objetivo validar casos de 5G na saúde.  Ela é fornecedora do projeto “Einstein Até Você”, serviço de exames, vacinas e assistência médica do hospital. O projeto testará melhorias com 5G na qualidade do vídeo durante teleconsultas, se é possível a análise de exames diagnósticos em tempo real e como potencializar o uso de diversas ferramentas diagnósticas, como IoT (Internet das Coisas). Hoje, sua base de dispositivos atinge as 400 unidades.

A empresa também acaba de firmar, uma parceria com a prefeitura de São Caetano do Sul para ser fornecedora em um projeto do município que pretende zerar as filas de consultas e ampliar a especialidades de atendimento.

Segundo a diretora  Clínica da startup, Anna Clara Rabha (foto), a empresa cresceu 300% em 2022, em comparação com o ano anterior. Para este ano, com a força de vendas diretas e parceiros estratégicos, a empresa, que conta com 17 colaboradores, pretende ampliar seu portfólio de produtos e soluções tecnológicas, disponibilizar serviços consultivos e desenvolver linhas de cuidado utilizando o ambiente digital.

Ela explicou que empresa estão investindo na formação do profissional para trabalharem com o dispositivo, pois, por exemplo, o estetoscópio da TytoCare é digital, diferente do convencional que os médicos aprenderam a usar nas escolas de medicina.

A solução possui certificações da Anvisa, Food and Drug Administration (FDA) e da European Medines Agency, e conta com sistema de armazenagem de dados em nuvem, o que possibilita o compartilhamento de dados com os médicos de cada especialidade em que o paciente tiver necessidade de atendimento e com isso, em linha com a LGPD.

“O Tytocare oferece uma alta expertise médica aplicada à utilização do dispositivo e desenho personalizado ao fluxo de trabalho de cada um de seus clientes, visto que os objetivos e resultados normalmente estão ligados a grupos de pacientes, sejam crônicos, na assistência primária ou na manutenção do cuidado preventivo”, finaliza Anna Clara.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias

© Copyright 2022 by TI Inside