quinta-feira, maio 30, 2024
Home News Philips anuncia avanços na radiologia com IA

Philips anuncia avanços na radiologia com IA

por Redação
0 comentário

Em meio aos altos níveis de esgotamento das equipes de saúde e à escassez contínua de radiologistas qualificados em muitos países, incluindo o Brasil, é mais importante do que nunca para os médicos gerenciarem efetivamente o tempo e priorizarem os pacientes. Os líderes da radiologia também alertam para o fato de que a escassez de mão de obra está levando a tempos de espera mais longos e atrasos no tratamento dos pacientes.

Os fluxos de trabalho de radiologia não acompanharam o ritmo da inovação em imagem e os médicos precisam de soluções que simplifiquem os fluxos de trabalho, garantindo consistência e ajudando a acelerar os processos de diagnóstico e tratamento. Tais aprimoramentos não só beneficiam os resultados dos pacientes, mas também ajudam a aliviar a pressão sobre os sistemas de saúde.

No Brasil, a Philips está colaborando com a CARPL.ai para atender a crescente necessidade de otimizar a leitura de imagens torácicas e fornecer resultados precisos aos médicos e profissionais de saúde, ajudando-os a oferecer um melhor serviço ao paciente. A combinação da solução líder mundial da Philips, “Enterprise Imaging Solution (Vue PACS)”, com a plataforma de orquestração de IA da CARPL.ai permite a integração de algoritmos de IA, oferecendo resultados diretamente no fluxo de trabalho padrão de radiologia diagnóstica.

O fluxo de trabalho avançado de radiologia da Philips, que é usado em mais de 70 países, oferece recursos aprimorados de relatórios e distribuição, servindo como centro para o gerenciamento de dados de imagens médicas, capacitando os médicos com acesso instantâneo a insights críticos que levam a um atendimento preciso ao paciente. Combinado com algoritmos de IA fornecidos por meio da plataforma CARPL.ai, os médicos poderão visualizar imagens de raios-x torácicos, insights e resultados em seu visualizador corporativo e no fluxo de trabalho existente.

Os radiologistas também podem acelerar a interpretação, pois os algoritmos pré-identificarão áreas de preocupação nas radiografias de tórax, permitindo uma identificação mais rápida e um potencial diagnóstico. Além disso, os médicos também poderão contar com o apoio de um radiologista virtual, que poderá revisar um caso mais rápido do que um médico ou profissional de saúde em casa.

“A integração dos resultados de IA no PACS aumentará a eficiência do fluxo de trabalho e potencialmente reduzirá os tempos de respostas para o tratamento torácico, capacitando os provedores de serviços de saúde a tomar decisões oportunas e informadas, otimizando assim o rendimento do paciente. O tratamento torácico é apenas o ponto de partida. Vamos expandir para outros casos de uso clínico”, diz Madhuri Sebastian, Líder Empresarial de Informática em Radiologia da Philips.

Além do Philips AI Manager, uma solução de habilitação de IA de ponta a ponta que se integra à infraestrutura de TI de um cliente, permitindo que os radiologistas aproveitem mais de 100 aplicativos de IA, essa colaboração no Brasil ajudará com uma avaliação mais abrangente e insights clínicos mais profundos no fluxo de trabalho da radiologia.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este website.

SAÚDE DIGITAL NEWS é um portal de conteúdo jornalísticos para quem quer saber mais sobre tendências, inovações e negócios do mundo da tecnologia aplicada à cadeia de saúde.

Artigos

Últimas notícias