NewsNewsletter

Porto Alegre ganha novo equipamento de radioterapia de alta precisão

0

O recém-inaugurado VITTA – Centro Avançado de Radioterapia de Porto Alegre adquiriu o acelerador linear Versa HD, equipamento de radioterapia da Elekta que pode tratar todos os tipos de cânceres, como de próstata, pulmão e mama. O sistema fornecerá aos médicos do VITTA a flexibilidade para tratar um amplo espectro de tumores em todo o corpo, ao mesmo tempo em que permite o tratamento de cânceres altamente complexos que precisam de extrema precisão de direcionamento.

Com o sistema, o VITTA poderá realizar tratamentos de alta precisão, com maior segurança e conforto para os pacientes, reduzindo o número total de sessões para alguns tratamentos oncológicos. “Optamos pelo Versa HD por ser um acelerador linear de última geração, que nos permite administrar taxas de dose maiores em menos tempo, permitindo maior precisão, segurança e agilidade no tratamento radioterápico”, destaca Patricia Izetti, médica radio-oncologista e diretora técnica do VITTA.

O Versa HD apresenta tecnologia patenteada que permite a modelagem sofisticada de feixe, para fornecer radiação extremamente precisa em conformidade ao tamanho, formato e volume do tumor alvo.

O resultado são tratamentos altamente precisos com tempos mais curtos e a capacidade de oferecer terapias avançadas, minimizando o impacto na qualidade de vida dos pacientes. Os tempos de tratamento mais curtos também podem melhorar o conforto do paciente, especialmente para os idosos, que podem ter dificuldade em permanecer na mesma posição por longos períodos.

“O colimador Agility de 160 lâminas possui maior modulação do feixe em comparação com os sistemas utilizados em outros equipamentos. Quando este colimador atua de forma coordenada com outras capacidades do Versa HD, conseguimos uma diminuição de até 40% no tempo de cada sessão”, explica Fabrício Lima, físico-médico do VITTA.

Clínica de Pipetagem: Eppendorf lança treinamento online laboratorial

Artigo anterior

Trend Micro alerta crescimento de ataques cibernéticos para setor de saúde no Brasil e no mundo

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News