NewsNewsletter

Grupo Pardini adquire laboratório APC para ampliar acesso ao diagnóstico oncológico

0

Em comunicado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), na tarde desta segunda-feira,2, o Grupo Pardini anunciou a aquisição integral do APC, laboratório referência no país em painéis de imuno-histoquímica e hibridização “in situ”, realizadas em biópsia de peças cirúrgicas com amplo espectro de diagnóstico em Oncologia. Com a aquisição, o Grupo Pardini pretende ampliar a oferta dos serviços especializados em Oncologia para todo o país por meio de hospitais, médicos, indústria farmacêutica, além dos mais de 6 mil laboratórios parceiros Lab-to-Lab.  Outro objetivo é fortalecer e agregar uma grande expertise em Imuno-histoquimica à Rede Astro (Path to Path), que está conectando Patologistas de todo o país em uma plataforma digital inédita de alta especialização.

Com mais de 30 anos de tradição, o APC foi fundado por médicos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e, desde 1987, é liderado pelo Dr. Roberto Falzoni, também Patologista do Serviço da Divisão de Anatomia Patológica do Hospital das Clínicas da FMUSP. Ele permanecerá à frente da operação e passará a responder como Diretor Médico-Científico de Anatomia Patologia e Imuno-histoquimica do Grupo Pardini. Em 2020, o APC obteve uma receita bruta de R$ 9 milhões. O valor da operação foi de R$ 19,5 milhões.

A aquisição é realizada pouco mais de um mês após o Grupo Pardini investir R$ 127 milhões na incorporação do Laboratório Paulo C. Azevedo, líder no mercado de Medicina Diagnóstica no estado do Pará. Para o Diretor-Presidente do Grupo Pardini, Roberto Santoro, a aquisição é extremamente relevante para a estratégia do negócio. “Nosso propósito é prover acesso ao diagnóstico especializado, para quem precisa e onde estiver. Há mais de cinco anos, temos investido na aquisição de empresas de alta especialização principalmente relacionados ao diagnóstico em Oncologia que possuem alta credibilidade médica no mercado. Por meio de nossos laboratórios e hospitais parceiros, esse movimento vem ampliando a todo o país a oferta de testes antes restritos aos grandes centros urbanos”, afirma. Graças a essa estratégia, hoje, o Pardini tem grande relevância nacional no diagnóstico de Doenças Raras, triagem neonatal e exames de toxicologia forense. “Com a integração das competências médicas e do portfólio especializado do APC, Diagnóstika e Hermes Pardini, temos o objetivo de nos tornarmos também líderes nacionais em diagnóstico em Oncologia, fortalecendo nossa atuação”, celebra.

A aquisição do laboratório APC reforça a estratégia do Grupo Pardini em oferecer exames oncológicos de alta complexidade médica que suportam o diagnóstico de câncer e a decisão médica, viabilizando precocemente o tratamento específico de neoplasias dos pacientes com câncer. Trata-se também da incorporação ao Grupo de mais um Núcleo Técnico de Alta especialização em Imuno-histoquímica e hibridização “in situ” na cidade de São Paulo. Em paralelo, para os clientes do APC, a incorporação ampliará a oferta de exames moleculares e a diminuição do prazo, fortalecendo a linha de cuidado Oncológica.

Com base nos dados da ANS e do SIA DATA SUS, durante os últimos cinco anos, a estimativa é que o mercado de Anatomia Patológica cresça, aproximadamente, 11,3%, chegando a R$ 1 bilhão por ano. Desse montante, 36% da receita e 10% dos procedimentos estão vinculados à alta complexidade.

Vale destacar que o Brasil vive uma escassez no número de Patologistas. São pouco mais de 3,2 mil profissionais, o que corresponde a 0,8% do volume de médicos. A maioria está concentrada nos grandes centros urbanos, limitando o acesso à parte relevante da população. “Estamos acompanhando o crescimento exponencial no diagnóstico em Oncologia. A Anatomia Patológica e Imuno-histoquímica é fundamental para o diagnóstico assertivo. Por isso estamos investindo tanto nessa área”, destaca Santoro.

A aquisição também é relevante para ampliar e fortalecer outro projeto estratégico de acesso à Anatomia Patológica: a Rede Astro, plataforma virtual inédita que conecta médicos patologistas de todo o Brasil, agregando ainda mais acesso, intercâmbio e garantindo ao paciente acesso diagnóstico especializado em todo o território nacional. “A plataforma virtual conecta os médicos especialistas em Anatomia Patológica em qualquer parte do país, nas diversas especialidades, aumentando o acesso ao diagnóstico.

Brasil registra 1ª cirurgia contra diabetes tipo 2 feita com robô

Artigo anterior

GT Building aposta em mercado imobiliário na área da saúde com o lançamento do Human Batel

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News