News

Inteligência artificial: startup Babylon Health é valorizada em US$ 2 bi

0

A Babylon Health, startup britânica que desenvolveu vários serviços de saúde baseados em IA (inteligência artificial), incluindo um chatbot usado pelo Serviço Nacional de Saúde dos EUA para ajudar a diagnosticar doenças, fechou uma rodada de financiamento de US$ 550 milhões, avaliando a Babylon Health em mais de US$ 2 bilhões. O objetivo é expandir seus negócios para os EUA e a Ásia e expandir sua pesquisa e desenvolvimento para diagnosticar condições mais graves e crônicas

“Nossa missão na Babylon é colocar a saúde acessível e acessível nas mãos de todos no planeta”, disse o Dr. Ali Parsa, fundador e CEO da Babylon, em um comunicado. “Esse investimento nos permitirá maximizar o número de vidas que tocamos em todo o mundo. Temos um longo caminho a percorrer e muito ainda para entregar. Somos gratos aos nossos investidores, nossos parceiros e 1.500 brilhantes babilônios por nos permitir avançar na nossa missão. As condições crônicas são um fardo cada vez maior para a acessibilidade dos serviços de saúde em todo o mundo. Nossa tecnologia fornece uma base sólida para uma solução abrangente e nossos cientistas, engenheiros e clínicos estão empolgados para trabalhar nela. Temos visto uma demanda significativa de parceiros nos EUA e na Ásia. Embora o ônus dos cuidados de saúde seja global, as soluções precisam ser localizadas para atender às necessidades e cultura específicas de cada país.”

A rodada reúne uma série de investidores estratégicos e financeiros, incluindo o PIF (Fundo de Investimento Público da Arábia Saudita); uma grande companhia de seguros de saúde sediada nos EUA (cujos relatórios sugerem ser a Centene Corporation, embora a Babilônia não esteja divulgando o nome); Fundo ERGO de Munique Re; e devolver os investidores Kinnevik e Vostok New Ventures. (Os investidores anteriores que não parecem estar nesta rodada também incluem Demis Hassabis, o especialista em IA que foi co-fundador da DeepMind, que agora faz parte do Google.)

A Babylon diz que entrega 4.000 consultas clínicas por dia, ou uma interação do paciente a cada 10 segundos, que agora abrange 4,3 milhões de pessoas em todo o mundo, com mais de 1,2 milhão de consultas digitais concluídas até o momento, com mais de 160.000.

Bionexo compra empresa GTT Healthcare

Artigo anterior

ANS divulga números de beneficiários de planos de saúde em junho

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Mais News